sexta-feira, 29 de maio de 2020

Genival Lacerda recebe alta após AVC

maio 29, 2020
Foto: Divulgação

O cantor e compositor paraibano Genival Lacerda, 89, recebeu alta do Hospital de Ávila, na Zona Norte do Recife, na manhã desta sexta-feira (29). Na última terça-feira (26), o artista sofreu um Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVC) durante a madrugada, o que ocasionou uma internação de três dias. "O paciente Genival Larceda recebeu alta hospitalar com boa recuperação neurológica", diz a nota assinada por Ana Cristiana Maranhão, gerente do hospital.

Morador do bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, Genival passou mal e chegou a ser levado para um hospital da Unimed, porém acabou sendo transferido para o De Ávila diante do contexto da pandemia da Covid-19. Já internado, ele realizou exames de check up e tomografia, que revelaram taxas alteradas.

Lacerda também passou mal e precisou ir ao hospital em 2015. Ao fazer uma série de exames, descobriu que sofria de diabetes. Na época, ele começou a se adequar a uma nova rotina, quando perdeu 14 quilos. O cantor chegou a narrar as mudanças ocasionadas pela doença no Câmera Record, exibido naquele mesmo ano.

Natural de Campina Grande, Genival Lacerda mora em Recife há mais de 25 anos e já recebeu títulos de cidadão Pernambucano (2011) e do Recife (2016) pelos serviços prestados à cultura do estado. No final de 2017, recebeu das mãos do então presidente Michel Temer a Ordem do Mérito Cultural (OMC), a maior honraria pública da cultura no Palácio do Planalto, em Brasília.

O artista tem cinco décadas de carreira. Estreou com o disco O coco de 56, pela extinta gravadora Mocambo. O principal sucesso responsável por conferir visibilidade nacional ao músico, Severina Xique-xique (1975), chegou ao público pelo LP Aqui tem catimberê, álbum com mais de 800 mil unidades vendidas. Lacerda tem 30 discos lançados e coleciona parcerias com nomes de expressão na cultura nordestina, como Dominguinhos e Marinês.

Informações: Diário de Pernambuco

“Be Water”, documentário da ESPN sobre Bruce Lee, ganha trailer

maio 29, 2020
Bruce Lee

Foi divulgado pelo canal ESPN, o trailer de “Be Water”, um documentário televisivo que analisa toda vida e carreira de ator, lutador de artes marciais e cineasta Bruce Lee.

O projeto é dirigido por Bao Nguyen, de “Rom” e “Live From New York!, e mostra como Lee teve dificuldades no início para encontrar um espaço em Hollywood. O documentário vai falar também de quando ele retornou para Hong Kong e focou em filmes de artes marciais.

O filme trará entrevistas raras do artista e vai debater problemas da representação asiática na indústria cinematográfica. 

Confira o trailer:


Be Water” tem estreia marcada no dia 07 de junho nos EUA.

Amannda Oliveira

Câmara dos Deputados aprova medida provisória que permite a redução de salários e da jornada de trabalho

maio 29, 2020
O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (28) a Medida Provisória 936/20, que permite a redução de salários e da jornada de trabalho ou a suspensão do contrato trabalhista durante o estado de calamidade pública relacionada ao coronavírus. A MP será enviada ao Senado.

O texto prevê o pagamento de um benefício emergencial pelo governo aos trabalhadores. As regras valem para quem tem carteira assinada e para os contratos de aprendizagem e de jornada parcial.
Segundo o texto, o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda garantirá o pagamento de uma parte do seguro-desemprego por até 60 dias ao trabalhador que tiver o contrato suspenso ou por até 90 dias se o salário e a jornada forem reduzidos.

De acordo com o do deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o Poder Executivo poderá prorrogar esses prazos durante o período do estado de calamidade pública decorrente da pandemia.

O valor do benefício dependerá de quanto for a redução. Se o acordo entre empregador e empregado for individual, sem participação do sindicato, a redução poderá ser somente de 25%, 50% ou 70%, tanto do salário quanto da jornada de trabalho.
Nessa situação, se houver redução de 50%, o trabalhador terá direito a 50% do salário e a 50% do seguro-desemprego por mês. Como o seguro é calculado sobre a média dos salários dentro de alguns limites, o valor não chega a ser o mesmo que o reduzido.

Assim, por exemplo, quem tiver uma média de R$ 1,5 mil nos últimos três meses receberá de benefício R$ 600,00 (50% do seguro, de R$ 1,2 mil).
Para o relator, embora o texto não tenha sido aprovado como ele queria, ainda assim é motivo de comemoração. “Celebro cada vitória em um país em que mandatários evocam a ditadura para resolver conflitos políticos”, disse Orlando Silva.

Inicialmente, no cálculo do benefício emergencial, a versão de Silva para a MP usava a média aritmética simples dos três últimos salários, limitada a três salários mínimos (R$ 3.135,00). Mas 
um destaque do PP retomou o texto original da medida provisória, prevalecendo o seguro-desemprego como base.


Cálculo do benefício
Quem recebe uma média de R$ 2,5 mil terá direito a cerca de R$ 945,00 (50% de R$ 1.890,00). Se a média for maior que R$ 2.669,29, o valor fixo do seguro-desemprego é de R$ 1.813,03 e o trabalhador receberia metade disso como benefício emergencial (cerca de R$ 906,00).

Inicialmente, por meio da MP 928/20, o governo previa apenas a suspensão do contrato de trabalho sem recebimento de benefício.


Outras reduções
A MP permite a redução de salário e de jornada também por outros índices, mas isso pode ser desvantajoso para o trabalhador. Se o acordo coletivo prever redução menor que 25%, o empregado não recebe nada do governo.

O benefício será de 25% do seguro-desemprego para reduções de 25% até 50%. Diminuições de salários maiores que 50% e até 70% resultarão em um benefício de metade do seguro-desemprego mensalmente. Redução maior que 70% do salário e da jornada resultará em benefício de 70% do seguro-desemprego a que teria direito.
O relatório aprovado especifica que a redução ou a suspensão poderão ocorrer por setores ou departamentos dentro de uma empresa, abrangendo a totalidade ou apenas parte dos postos de trabalho.
Os acordos já realizados seguirão as regras da redação original da MP. A exceção é para a prevalência das cláusulas do acordo coletivo no que não entrarem em conflito com possível acordo individual anterior.


Ajuda voluntária
Se o empregador desejar, poderá pagar uma ajuda compensatória mensal ao empregado, seja no caso de redução de jornada ou de suspensão temporária.
Essa ajuda terá caráter indenizatório e não poderá sofrer descontos para imposto de renda ou Previdência Social ou Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Por parte do empregador, não integrará a base de cálculo para demais tributos incidentes sobre a folha de salários e para o imposto de renda e a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (
CSLL).
Orlando Silva incluiu ainda a possibilidade de dedução da ajuda compensatória da base de cálculo do imposto de renda na declaração de ajuste anual por parte de quem recebe rendimentos não assalariados (autônomos, por exemplo), por parte do empregador doméstico e por parte de produtores rurais.
Todas as deduções serão aplicáveis para as ajudas pagas a partir de abril de 2020.


Individual ou coletivo
Segundo o texto aprovado, a aplicação do acordo individual ou coletivo dependerá do valor do salário e da receita da empresa.

Empresas médias ou grandes (receita bruta maior que R$ 4,8 milhões em 2019) poderão fazer contratos individuais ou coletivos para quem ganha até dois salários mínimos (R$ 2.090,00).
As 
micro e pequenas empresas (receita bruta até o valor citado) poderão firmar acordos individuais ou coletivos com quem ganha até R$ 3.135,00.
O contrato individual escrito poderá ser feito ainda se a redução for de 25% ou se, somados os valores do benefício emergencial e da ajuda compensatória e/ou do salário recebido, o empregado ficar com o mesmo salário de antes.
Quem ganha salário igual ou maior que duas vezes o teto da Previdência Social (equivalente a R$ 12.065,46) e possui diploma de curso superior também pode negociar individual ou coletivamente.
Quem estiver fora dessas condições terá de passar por negociação coletiva.


Aposentados
Como os aposentados que continuam trabalhando com carteira assinada estão impedidos de receber o benefício previdenciário, o relatório de Orlando Silva condiciona o acordo de redução ou suspensão ao modelo individual.

Adicionalmente, o empregador deverá pagar ajuda compensatória igual ao valor a que teria direito de benefício emergencial. Se a empresa for média ou grande (receita bruta maior que R$ 4,8 milhões em 2019), ela terá ainda de pagar mais 30% do salário normal.


Aviso prévio
Para trabalhadores que cumpram o aviso prévio, que antecede à demissão, a MP permite que empregador e empregado desistam desse aviso e adotem o programa emergencial de preservação de empregos.



Fonte: Agência Câmara de Notícias

Vanguart lança música inédita

maio 29, 2020

O isolamento social obrigou o Vanguart a adiar seus shows e rotina de estúdio, mas a banda usou esse hiato forçado para revisitar seu catálogo e disponibilizar canções até então guardadas. A faixa “Encontro Adiado” chega nesta sexta-feira (29) a todos os aplicativos de música, pela Deck. A música, gravada nas sessões do álbum “Muito Mais Que O Amor” (Deck/ 2013), ganhou um elegante lyric video, já disponível no YouTube.

Escrita por Reginaldo Lincoln (baixo) e Helio Flanders (violão, trompete e vocal) entre 2012 e 2013, “Encontro Adiado” aborda, com uma lírica literal, as andanças dos músicos por São Paulo, captando as sensações que a cidade evoca e a espera de encontrar pessoas especiais no caminho. O lyric video, dirigido por Luciana Borges, utiliza elementos gráficos de “Muito Mais Que O Amor”, além de efeitos de filme analógico adicionados na pós-produção.

De acordo com Reginaldo, a música ficou de fora do álbum por meros detalhes, mas está à altura de todo o repertório restante. O baixista e vocalista resgatou as trilhas de áudio gravadas no Estúdio Tambor (RJ) e aproveitou a alta qualidade dos arquivos para explorar algo que já desejava há algum tempo. Assim, o músico aproveitou o tempo em casa para mixar todo o material, com a excelência digna de um produtor experiente. Helio destacou sua felicidade ao ouvir a faixa pronta depois de tanto tempo. “Quando ouvi a música me emocionei muito; primeiramente pelo título, que cabe tão bem a esse momento onde ansiamos tanto um abraço daqueles que amamos, mas, principalmente, porque ela me lembra uma época feliz onde éramos muito livres e jovens”, destacou.

Predominantemente acústica, “Encontro Adiado” conta com participação de outros músicos que gravaram “Muito Mais Que o Amor”. Entre eles, destaque para os membros da banda Fernanda Kostchak, no violino, e David Dafré, que toca lap steel e divide os violões com Flanders. Luiz Lazzaroto toca piano.




Marcus Cesar

Governo de Pernambuco vai reforçar estrutura da saúde no interior

maio 29, 2020
O Governo de Pernambuco, por intermédio da Secretaria de Saúde, está reforçando a rede estadual exclusiva para pacientes com a Covid-19 no mês de junho, com a entrega de três hospitais de campanha que estão sendo instalados nas cidades de Caruaru, Serra Talhada e Petrolina, representando um investimento de mais de R$ 4 milhões. Essa estrutura terá uma oferta total de 301 novos leitos. Mais 38 UTIs também serão entregues em municípios da Zona da Mata, Agreste e Sertão.

Em Caruaru, serão instalados 104 leitos, sendo 76 de enfermaria, 26 semi-intensivos e dois de estabilização. A unidade de Serra Talhada terá 95 leitos (72 de enfermaria, 22 semi-intensivos e um leito para estabilização). O Hospital de Campanha de Petrolina terá capacidade para 102 leitos (74 de enfermaria, 26 de tratamento semi-intensivo e duas vagas para estabilização).

Serão entregues, nos próximos dias, 38 leitos de UTIs nas cidades de Vitória de Santo Antão, Garanhuns, Caruaru, Serra Talhada e Goiana. Esse reforço do Estado já garantiu a abertura de 421 leitos dedicados exclusivamente a pacientes com a Covid-19 em 13 cidades polo do interior, sendo 139 de UTIs e 282 de enfermaria.  As UTIs estão distribuídas em hospitais de Palmares, Limoeiro, Goiana, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Salgueiro, Araripina e Petrolina.


Segundo a secretária-executiva de Vigilância em Saúde do Estado, Luciana Albuquerque, em pouco mais de dois meses, Pernambuco conseguiu abrir 1.447 leitos, sendo 635 UTIs. “Por determinação do governador Paulo Câmara, temos monitorado diariamente os dados da doença, inclusive sua entrada no interior, e atuado na vigilância dos casos e também para garantir a estrutura necessária na rede de saúde”, comentou Luciana.

ASCOM

Associação Desportiva LW Arcoverde faz assembleia para ratificar Fundação, resultado de eleição, aprovação de insígnias e reforma do Estatuto

maio 29, 2020


A Associação Desportiva LW Arcoverde - (AD LW ARCOVERDE) está convocando seus associados para uma assembleia geral para ratificar Fundação, resultado de eleição, aprovação de insígnias e reforma do Estatuto. A reunião com os membros da ADLWARCOVERDE será realizada no próximo dia 08 de junho, às 19h, por meio de videoconferência.

O presidente da ADLW ARCOVERDE, Lourival Junior, explicou o motivo de a reunião ser por meio da internet, “Nós vamos seguir as recomendações exigidas pelo ministério da saúde, que é evitar a aglomeração”.Precisamos combater a proliferação da Covid-19. Com isso, nossa reunião será por videoconferência para segurança de todos e evitar o contato com os associados e preservar a saúde dos nossos membros, afirmou.


Lourival Junior ainda falou sobre a assembleia geral. Segundo ele, será revalidada a Fundação, resultado de eleição, aprovação de insígnias e reforma do Estatuto, mas é preciso seguir recomendações, “Foi solicitado por parte do governo federal, já que somos uma entidade sem fins lucrativos, que seja ratificada para tornar público”. Nossos membros sabem da importância da manutenção da presidência e só vamos reafirmar o que já foi definido, explicou.

Informações: ASCOM

Em Arcoverde bairro do São Cristóvão continua sendo o bairro com mais casos de covid 19, seguido do São Miguel

maio 29, 2020

A Secretaria de Saúde de Arcoverde informa que, nesta sexta-feira, 29 de maio, foram confirmados mais sete (07) casos do Covid-19, um (01) curado e vinte e nove descartados. O boletim diário, portanto, fica com dezesseis (16) suspeitos, cento e sessenta (160) descartados, 92 (noventa e dois) confirmados, treze (13) óbitos e vinte e oito (28) recuperados.
De acordo com o balanço, realizado pela Vigilância em Saúde do município até 17h de hoje, Arcoverde tinha 267 notificações do Coronavírus, o que significa o total de pessoas suspeitas, desde a investigação até o descarte ou confirmação.  Destes dados, 47% são do gênero feminino e 53% do masculino.
Dentro do mapeamento pelos bairros da cidade, dos 92 casos confirmados, trinta e três (33) estão no São Cristóvão, oito (08) no Centro, um (01) Cardeal, seis (06) no São Geraldo, seis (06) na Boa Vista, três (03) no Sucupira, cinco (05) no Boa Esperança, quinze (15) no São Miguel, um (01) Novo Arcoverde, dois (02) Cohab II, um (01) Vila do Presídio, um (01) Pôr do Sol, dois (02) Cidade Jardim, um (01) Residencial Maria de Fátima Freire, um (01) no JK e seis (06) na Zona Rural.

Dos treze (13) óbitos, sete (07) são do São Cristóvão, um (01) Centro, dois (02) do São Miguel, um (01) Boa Esperança, um (01) Boa Vista e um (01) da Zona Rural. Entre as idades, um (01) tinha 0 a 09 anos; dois (02) entre 30 e 39 anos; dois (02) tinham entre 60 e 69 anos, cinco (05) tinham entre 70 e 79 anos e três (03) tinham 80 anos.
Vale lembrar que dentro dos 92 confirmados, estão contabilizados os 13 óbitos e 28 curados. No Hospital de Campanha há cinco (05) pacientes internados. No Hospital Regional Ruy de Barros Correia, a UTI do Covid-19 está trabalhando com a capacidade completa de oito leitos, sendo que quatro (04) pacientes são de Arcoverde, dois (02) confirmados e dois (02) aguardando resultado do exame.
No Hospital Memorial (Arcoverde) tem um (01) paciente na UTI e outro no Hospital Santa Joana (Recife). Ao todo, Arcoverde tem seis (06) pacientes em UTI e 30 em isolamento domiciliar.
Nas barreiras sanitárias das entradas da cidade foram abordados 1.055 carros de fora. Em Pernambuco, só hoje foram confirmados 1.542 novos casos confirmados e 103 mortes, totalizando 32.255 e 2.699 mortes.
Quem puder ficar em casa, fique. Caso precise sair, use a proteção. Para dúvidas, denúncias ou sugestões ligue para o Disk Coronavírus do município: 0800-281-55-89 e 3821-0082.
ASCOM

Vacinação contra a febre aftosa começa na próxima segunda- feira

maio 29, 2020

A primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa acontecerá no período de 01 a 30 de junho, nela todos os bovinos e búfalos de todas as idades devem ser imunizados. Em Pernambuco espera-se que mais de 1,9 milhões de animais devam receber a dose da vacina. 

Os criadores têm até o dia 30 de junho para comprarem as vacinas contra a doença em uma farmácia autorizada, mesmo o produtor que tem apenas uma cabeça de gado está obrigado a realizar a vacinação. Nesta campanha o produtor terá até o dia 31 de agosto para realizar a declaração dos seus animais. 

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) está oferecendo aos produtores a possibilidade de realizar a declaração da vacinação de forma online, sem necessidade de deslocamentos para os escritórios da agência. 

“Sabemos das dificuldades de realizar essa campanha durante a pandemia do COVID 19, mas acreditamos que o produtor mais uma vez vai honrar seu compromisso e realizar a vacinação do seu rebanho, o adiamento para o mês de junho foi necessário para que tivéssemos mais tempo para organizarmos a campanha e pudemos implementar a declaração online”, ressaltou o presidente da Adagro, Paulo Lima. Para realizar a declaração online é necessário que o produtor realize o seu pré-cadastro no site www.adagro.pe.gov.br, no banner siapec3. 

Até o momento já entrou no Estado mais de 1,4 milhões de doses de vacina contra a febre aftosa, o suficiente para imunizar boa parte do rebanho. O produtor que não vacina e não declara paga multa e fica proibido de transitar com o seu rebanho.

ASCOM

quinta-feira, 28 de maio de 2020

Governo de Pernambuco anuncia plano de reabertura das atividades econômicas

maio 28, 2020

Nos últimos dois meses, o Governo de Pernambuco vem realizando uma série de reuniões com representantes de vários setores produtivos para estabelecer os parâmetros de um plano de convivência das atividades econômicas com a pandemia da Covid-19. O estudo foi conduzido pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Gestão, da Fazenda, do Trabalho e Qualificação e de Desenvolvimento Urbano. O estudo prevê uma retomada gradativa, respeitando as orientações sanitárias e com um período de 11 semanas para ser totalmente posto em prática.

A data de início da estratégia dependerá de um conjunto de indicadores definidos pelas autoridades sanitárias e científicas que fazem parte do Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, do governo estadual. O plano também inclui a análise da quantidade de trabalhadores por setor e de que maneira o retorno de cada atividade influenciará em pontos complementares, como o transporte público. A ideia é que os setores adotem horários diferentes de expediente para não saturar o sistema nos horários de pico.

“Sem vacina ou medicamento comprovadamente eficaz contra o novo coronavírus, todos teremos que conviver com a doença. Nosso plano pesa quais atividades têm menos impacto nas curvas de contaminação e a relevância econômica de cada setor para definir o cronograma de liberação”, detalhou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach.

A epidemia da Covid-19 atingiu de maneira direta a economia mundial, e no Brasil não foi diferente. A estimativa da Secretaria da Fazenda é de que a paralisação das atividades econômicas, por conta das medidas de isolamento social, tenha um reflexo negativo na arrecadação da ordem de 20%, no comparativo com 2019. “A ajuda aos Estados, sancionada nesta quinta-feira pelo Governo Federal, é insuficiente para repor as perdas impostas pela epidemia do novo coronavírus”, destacou o secretário da Fazenda, Décio Padilha.

ASCOM

Instagram