segunda-feira, 16 de setembro de 2019

UBSF do Jardim Petrópolis oferece atendimentos regulares e roda de conversa enfocando o Setembro Amarelo

setembro 16, 2019

Numa iniciativa da Secretaria de Saúde de Arcoverde, a Unidade Básica de Saúde da Família - UBSF Vitorino José Freire Neto, localizada no Jardim Petrópolis (São Cristóvão), terá nesta terça-feira, dia 17 de setembro, uma gama de atividades voltadas ao atendimento da referida comunidade no município, focando a campanha Setembro Amarelo.
A partir das 13h, acontecerão consultas médicas; trabalhos de Enfermagem; Coleta de Preventivo a patologias do cólon do útero; solicitação e encaminhamento de Mamografias (para mulheres dos 50 aos 69 anos); testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites (para adolescentes a partir dos 14 anos ate idosos); atendimento odontológico (já agendado para o trabalhador); exames de vista (atendimento oftalmológico com Óticas Diniz) e ainda atualização da cobertura vacinal (tríplice viral), das 7h às 19h40, entre outros serviços da unidade.
Às 16h, as atividades serão concluídas com uma roda de conversa inserida na campanha Setembro Amarelo, de enfrentamento dos comportamentos suicidas, ministrada por estagiários do CETA.
Os usuários são devem levar os seguintes documentos: Cartão do SUS, Cartão da Família, RG, Número de Identificação Social (NIS) - para beneficiários do Bolsa Família, e também a Caderneta de Vacinação.
A Unidade Básica de Saúde da Família – UBSF Jardim Petrópolis Vitorino José Freire Neto, fica localizada na Travessa Serra Leoa, no bairro do São Cristóvão, próximo ao campus da Universidade de Pernambuco – UPE Arcoverde. 
ASCOM

Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz traz debate sobre gênero no teatro brasileiro a Arcoverde

setembro 16, 2019


A cidade de Arcoverde recebe nos dias 20 e 21 de setembro a Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz, de Porto Alegre, com a Desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência, a Oficina de Vivência com a Tribo e um Debate sobre questões de gênero no teatro brasileiro contemporâneo. O Projeto foi selecionado pelo Programa Petrobras Distribuidora 2017/2018, através da Lei de Incentivo à Cultura. O Programa Petrobras Distribuidora de Cultura é uma seleção pública que tem como objetivo contemplar projetos de circulação de espetáculos teatrais não inéditos, em parceria do Ministério da Cidadania. No último edital foram investidos R$ 15 milhões. Ao todo, foram escolhidos 57 espetáculos, representantes de todas as regiões do País, com apresentações em todos os estados.
A programação em Arcoverde, com entrada franca, acontecerá no SESC Arcoverde (Rua Capitão Arlindo Pacheco, 364) e tem apoio local do SESC. No dia 21 de setembro, às 18h, a Tribo encena a Desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência, seguida de bate-papo sobre o processo criativo. No dia 20 de setembro, às 14h, acontece o Debate sobre questões de gênero no teatro brasileiro contemporâneo, e das 18h às 22h, acontece a Oficina de Vivência com a Tribo. Em todas as atividades haverá o uso do instrumento de acessibilidade libras para deficientes auditivos e programa em braile para deficientes visuais.
Sobre a Desmontagem

Desmontagem é um conceito novo no cenário cultural que se constitui como uma linguagem híbrida, entre o espetáculo teatral e a reflexão teórica sobre a obra, que o Ói Nóis Aqui Traveiz vem difundindo pelo país e exterior. A Desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência, com concepção e atuação de Tânia Farias, refaz o caminho da atriz na criação de personagens emblemáticos da dramaturgia contemporânea. Constitui um olhar sobre as discussões de Gênero, abordando a violência contra a mulher em suas variantes, questões que passaram a ocupar centralmente o trabalho de criação do grupo Ói Nóis Aqui Traveiz. Ao seguir a linha de investigação sobre teatro ritual de origem artaudiana e performance contemporânea, a desmontagem de Tânia Farias propõe um mergulho num fazer teatral onde o trabalho autoral do ator condensa um ato real com um ato simbólico, provocando experiências que dissolvam os limites entre arte e vida e ao mesmo tempo potencializem a reflexão e o autoconhecimento. No desvelamento dos processos de criação de diferentes personagens, criadas entre 1999 e 2011, a atriz deixa ver quanto as suas vivências pessoais e do coletivo Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz atravessam os mecanismos de criação. Por meio da ativação da memória corporal, a atriz faz surgir e desaparecer as personagens, realizando uma espécie de ritual de evocação de seus mortos para compreensão dos desafios de fazer teatro nos dias de hoje.


Oficina Vivência com a Tribo

A oficina Vivência com a Tribo (25 vagas), em um encontro de quatro horas/aula, coordenado pelos profissionais do grupo, aborda os princípios básicos do teatro político e popular que o grupo realiza. A proposta de trabalho teatral seguirá os fundamentos principais da Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz, que visa a formação de atores-cidadãos com a necessária qualificação para estar a serviço da construção de uma sociedade justa e solidária. Com o objetivo de abrir espaço para sensibilização e experiência do fazer teatral, apostando no teatro como instrumento de indagação e conhecimento de si mesmo e do mundo, assim como veículo de formação, informação e transformação social.


Debate sobre questões de gênero no teatro brasileiro contemporâneo

A discussão sobre questões de gênero (tais como opressão de gênero, violência contra a mulher e temas afins) é cada vez mais urgente em nossa sociedade. O debate irá reunir diversos artistas e coletivos da cidade que vêm abordando essa problemática em seus trabalhos, para discutir o lugar e o papel social da mulher. Construído como frágil e subalterno e, ao mesmo tempo, alvo de interpretações e representações, o corpo feminino é rotulado de forma maniqueísta e regulado conforme valores e normas impostos pelo pensamento hegemônico. O encontro visa discutir como o teatro pode questionar essa situação e, ao mesmo tempo, apresentar possibilidades de transformação social.

Ficha Técnica:
Desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência
Criação da Atuadora Tânia Farias a partir de quatro personagens de espetáculos da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz
Concepção, atuação e oficineira: Tânia Farias
Direção: Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz
Produção: Terreira da Tribo Produções Artísticas

SERVIÇO:
20/09, 14h: Debate sobre questões de gênero no teatro brasileiro contemporâneo
20/09, das 18h às 22h: Oficina de Vivência com a Tribo
21/09, às 18h: Desmontagem Evocando os Mortos – Poéticas da Experiência, seguida de bate-papo sobre o processo criativo
Local: SESC Arcoverde (Rua Capitão Arlindo Pacheco, 364) - Arcoverde/PE
Entrada franca

Observação: Em todas as atividades haverá o uso do instrumento de acessibilidade libras para deficientes auditivos e programa em braile para deficientes visuais.

Informações: ASCOM

Humberto Gessinger lança um novo álbum de inéditas

setembro 16, 2019

Seis anos depois de "Insular" (2013), Humberto Gessinger lança um novo álbum de inéditas. “Não Vejo a Hora” traz 11 canções autorais gravadas com dois trios, um acústico e um power (elétrico). “Desde o início, saquei que o material pedia uma produção ágil, rápida, pra que a força das composições não se perdesse em firulas no estúdio... foi o que a gente fez. É um disco mais linear, mais focado na simplicidade dos trios”, comenta Gessinger.

São oito faixas com o power trio formado por Rafa Bisogno (bateria), Felipe Rotta (guitarra) e Humberto (baixo de seis cordas); e três músicas acústicas, nas quais Gessinger assume a viola caipira, acompanhado por Nando Peters (baixo acústico) e Paulinho Goulart (acordeon). Todas as letras são de Gessinger e as músicas trazem parcerias com Duka Leindecker, Bebeto Alves, Felipe Rotta, Nando Peters e Esteban Tavares. O projeto gráfico do álbum traz na capa e contracapa ilustrações do artista gaúcho Felipe Constant.

“Não Vejo a Hora” será lançado pela gravadora Deck em vinil, CD, cassete e nos aplicativos de música.

Marcus César

Universo infantil e liberdade de escolha presentes na arte de Simone Mendes que ilustra os 10 anos do Animage

setembro 16, 2019
O Festival Internacional de Animação de Pernambuco acontecerá de 11 a 20 de 
outubro no Recife


A cada edição, o Animage convida um artista plástico para realizar a ilustração que conduzirá toda a identidade visual do evento. A artista pernambucana Simone Mentes é a convidada deste ano em que o festival completa 10 anos de existência.
Nascida em Ouricuri, no sertão de Pernambuco, Simone vive no Recife há mais de 10 anos. A artista é conhecida pelo seu traço fino, delicado e onírico, como uma desenhista de sentimentos. Ilustrou revistas e livros de gênero infantil. Sempre influenciada pela natureza, seus trabalhos têm muitas cores. Como ilustradora já atuou para editoras, publicações independentes e de maneira autoral com trabalhos publicado pela Editora Abril, Editora Positivo, Moncho Ediciones (Argentina), Moebius editora (Argentina), Editora Globo, Editora Zupi, entre outras.
 

Simone conta que as primeiras ideias para representar os 10 anos do Animage não começaram diretamente com cinema, mas com a sobre a ocupação do espaço público e os diversos tipos de personagens que o frequentam. "Os croquis me levaram a pensar nos jardins de Burle Marx e então em percursos, no que é ou não espaço. Para mim tudo dialoga diretamente com cinema e foi então que pensei nos labirintos. Desde o início, quis propor algo que contemplasse a diversidade de pessoas que frequentam o festival. Pensei muito nas crianças e também na importância de manter iluminado um ponto na nossa vida que se comunica com a liberdade e a elaboração fantástica do universo infantil. O labirinto passou a ser a proposta que melhor poderia corresponder a essas ideia", diz a artista, que fez a ilustração exclusivamente em aquarela, que é a principal técnica que utiliza em seus trabalhos.
"A escolha de personagens que não necessariamente são do universo de animação também não foi arbitrária. Quis trazer um pouco do frisson de uma fila de cinema que dá a volta no quarteirão de uma cidade viva, efervescente e nisso a conexão com a ideia de ocupação do espaço público se manteve potente. Depois, dentro do labirinto, que seria a planta baixa do cinema, seria possível viver a experiência de cinema em si. O percurso por vários caminhos possíveis, além de mais de uma saída onde cada pessoa pode escolher um desfecho diferente e vivenciar com seu repertório particular a experiência incrível que o cinema pode proporcionar", completa Simone.
A programação do Animage é bem diversificada, tem como fio condutor a Mostra Competitiva de curtas metragens, incluindo também Mostras e Sessões Especiais de curtas e longas, Oficinas de técnicas de animação e Masterclass. O festival conta também com a presença de destacados profissionais da área de animação, nacionais e internacionais. O Animage já levou Mostras Especiais para outras cidades como Camaragibe, Arcoverde e Triunfo, marcou presença em Portugal levando Mostra Pernambucana para a Monstra - Festival Internacional de Animação de Lisboa (um dos mais tradicionais da Europa) e em 2018, exibiu também em São Paulo, com exclusividade, a cópia restaurada do icônico filme Yellow Submarine, dos Beatles.
A décima edição do Animage será realizado de 11 a 20 de outubro.
Mostra Competitiva 2019
Este ano o festival recebeu mais de 800 inscrições para a Mostra Competitiva, dos quais foram selecionados 78 curtas-metragens de 30 países, com técnicas de animação variadas. Acesse aqui a lista dos filmes.
Chegamos nos dez anos de festival como um dos maiores festivais de animação do país. O número de inscrições, oriundas de todo o mundo, comprova que o Animage já faz parte do circuito dos grandes festivais de animação”, observa Antonio Gutierrez, o idealizador do Animage. 
A Mostra Competitiva 2019 do ANIMAGE reúne produções recentes e premia os melhores filmes nas categorias Melhor Curta-Metragem - Grande Prêmio Animage, Melhor Curta Infantil, Melhor Curta Brasileiro e Prêmio do Público. A premiação inclui também melhor Direção, Roteiro, Direção de Arte, Técnica e Som. A escolha dos vencedores é feita anualmente por júri especializado, sendo que o público também participa em uma das categorias.
"A seleção de curtas reafirma que o Animage tem um estilo próprio de programação, muito original, com foco na criatividade, liberdade, expressividade autoral e na experimentação técnica", comenta Júlio Cavani, curador do festival. O ANIMAGE é realizado pela Rec-Beat Produções.

Serviço:
Animage – 10º Festival Internacional de Animação de Pernambuco
Data: 11 a 20 de outubro de 2019
Mais informações serão divulgadas em breve


Tati Pugliesi

Inscrições para 2ª edição do Artincluir seguem até o dia 21 deste mês em Garanhuns

setembro 16, 2019

Estão abertas e seguem até o dia 21 deste mês, em Garanhuns, as inscrições para a 2ª Edição do Artincluir, que tem como tema: “Valorização dos talentos acima das diferenças”. O projeto é desenvolvido pela Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), por meio da Central de Libras, e dos setores de Acessibilidade e Cadastro Único (CadÚnico), e vai promover um festival de talentos, voltado para pessoas com deficiência, nos dias 26 e 27 de setembro, no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti, a partir das 08h30min. 

O evento tem como intuito promover ações de acessibilidade e inclusão, voltadas para a área cultural; valorizando os talentos das pessoas com deficiência no Agreste Meridional de Pernambuco, com foco principal na cidade de Garanhuns. Os interessados poderão participar do show de talentos em apresentações nas categorias de teatro, música, dança, poesia, stand up, pintura e soletrando em Libras. 

As vagas vão contemplar a população com deficiência que está inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais. Mas também estão abertas para outras instituições que trabalham a inclusão de pessoas com deficiência, em Garanhuns, e cidades vizinhas. A expectativa é de que 150 pessoas participem desta edição.

As inscrições e podem ser feitas no formulário eletrônico AQUI; e também presencialmente no setor de acessibilidade da SASDH, localizada na avenida Rui Barbosa, nº 807, no bairro Heliópolis; na Casa dos Conselhos, na avenida Ernesto Dourado, 890, bairro Heliópolis; ou nos Centros de Referência em Assistência Social (Cras’s) do município. Outras informações podem ser obtidas por meio do telefone do setor de Acessibilidade da SASDH: (87) 3762-7081, ou também pelo WhatsApp da Central de Libras: (87) 99901-3353.

Parcerias — Nesta edição, o Artincluir conta também com o apoio do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Garanhuns (Comud), Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), e das Secretarias Municiapais de Educação, Cultura e Comunicação Social.

Parabéns a Prefeitura de Garanhuns pelo lindo projeto.

Aquilles Soares

Prefeitura conclui adequações e melhorias na Feira do São Cristóvão, em Arcoverde

setembro 16, 2019
A Prefeitura de Arcoverde concluiu na Feira do Pátio Lídio Cordeiro Maciel, localizada no bairro do São Cristóvão, uma série de medidas para viabilizar o fluxo comercial do local. A feira estava recebendo, desde julho deste ano, adequações em todo o seu ambiente de uso coletivo.
"Com apoio da Secretaria de Serviços Públicos do município, conseguimos melhorar o acesso aos sanitários com a construção de passarela, facilitando o acesso de todos os usuários, inclusive pessoas com necessidades especiais. Ainda pavimentamos em brita, o estacionamento de caminhões, local este utilizado para a entrega e distribuição de mercadorias, cessando assim, os problemas causados pelas chuvas de época. Também foi construído um almoxarifado e requalificadas as demarcações no interior do Pátio da Feira. Ainda precisamos avançar na correção da drenagem de águas de chuva, antes da próxima estação chuvosa", pontuou Paulo Sérgio Diniz, diretor do Cecora e demais feiras da cidade.
ASCOM

Mostra de Teatro da Vitória comemora 22 anos com programação extensa

setembro 16, 2019
MOSTEV comemora 22 anos, e entre os dias 20 e 29 de setembro, apresenta uma programação repleta de espetáculos incríveis.


Não faltam motivos para colocar na sua agenda a programação completa da XXII MOSTEV - MOSTRA DE TEATRO DA VITÓRIA. O Festival que foi pensado inicialmente como um espaço de aproximação dos jovens estudantes com a arte de dramatizar, tornou-se um dos principais eventos artísticos cultural do município, e do interior do estado de Pernambuco, e ao longo dos seus 22 anos trouxe para comunidade em geral ganhos significativos.
Sob a Coordenação geral do Produtor Cultural, Leonardo Edardna em parceria com integrantes do Grupo Vid’Art, a MOSTEV vem tomando proporções profissionais através da qualificação das apresentações oriundas de escolas públicas e privadas e grupos de teatro e dança do estado e do país. A partir do dia 20 até o dia 29 de setembro, o município de Vitória de Santo Antão será palco para as apresentações de espetáculos e esquetes teatrais. Serão 17 espetáculos de teatro, entre infantis, adultos e esquetes, além de dois espetáculos convidados, apresentados no Teatro Silogeu, na Matriz. Entre os municípios participantes nesta edição, teremos produções Cabo de Santo Agostinho, Recife, Jaboatão dos Guararapes, Glória do Goitá e Vitória). O acesso para os espetáculos custa R$ 5,00 e podem ser adquiridos no local do evento.
Nesta edição, assim como na anteriores, artistas e personalidades são homenageadas como forma de reconhecimento pela sua importância e contribuição com o movimento cultural, educacional e social dentro do município, e em 2019, as atividades serão em homenagem a atriz local Cecilia Lopes.
“O crescimento do evento e sua importância social, cultura e econômica, garante dentro do município a continuidade e o crescimento de um trabalho que vêm revelando talentos, dentro do nosso município – Vitória de Santo Antão – e do seu entorno. Além disso, com muito esforço e dedicação, buscamos dar continuidade ao fomento, ao consumo e a produção cultural, estando com isso incentivando o surgimento de novas plateias. O Projeto incentiva as artes cênicas e promove o intercâmbio com outros grupos de estados vizinhos, garantindo o acesso gratuito para toda a população e a acessibilidade aos portadores de deficiência com as suas especificidades. Estamos felizes por conseguir em mais um ano realizar o festival, e desde já agradeço a todos, que junto a mim trabalham incansavelmente, dia e noite pra que tudo dê certo.’’ Comenta Edardna, responsável pela mostra.
Confira a programação:

Dia 20/09/2019 (Sexta-feira)
15h - Espetáculo: O Povo & O Chão
Grupo: LiterAtos | Vitória de Santo Antão - PE
Classificação Livre

20h - Espetáculo: O Casamento Da Viúva
Grupo: Núcleo Teatral Start | Vitória de Santo Antão - PE
Classificação 16 anos

Dia 21/09/2019 (Sábado)
15h - Espetáculo: Soletrando, Bisbilhotando E Encantando
Grupo: Companhia de Teatro Riso | Cabo de Santo Agostinho - PE
Classificação Livre

20h - Espetáculo: Congresso do Kaos
Grupo: Teatro do Amanhã | Jaboatão dos Guararapes – PE
Classificação 14 anos

Dia 22/09/2019 (Domingo)
15h - Espetáculo: O Menino Que Virou História
Grupo: Pirilampos Produções e Entretenimento | Vitória de Santo Antão - PE
Classificação Livre

19h - Espetáculo: Sangrando
Grupo: Gambiarra P. Artísticas e Vinicius Coutinho P. Artísticas | Recife - PE
Classificação 16 anos

21h - Espetáculo: Uma Flor De Dama Da Noite
Grupo: Amantes das Artes | Recife – PE
Classificação 16 anos

Dia 23/09/2019 (Segunda-feira)
19h30 - Espetáculo Convidado: Pele De Dragão Na Carne De Mulher
Grupo: Núcleo de Pesquisa Cênica de Pernambuco | Vitória de Santo Antão - PE
Classificação 16 anos

Dia 24/09/2019 (Terça-feira)
20h - Esquete: Antes Que Seja Tarde
Grupo: Trupe Arte Em Movimento | Cabo de Santo Agostinho - PE
Classificação Livre

21h30 - Esquete: Lembranças Da Minha Memória
Grupo: [Ins]Pirados | Cabo de Santo Agostinho - PE
Classificação Livre

Dia 25/09/2018 (Quarta-feira)
20h - Esquete: La Répétition
Grupo: Consuarte | Cabo de Santo Agostinho - PE
Classificação 16 anos

21h30 - Esquete: Antes Do Amanhecer Do Dia
Grupo: GTAZP | Cabo de Santo Agostinho - PE
Classificação Livre

Dia 26/09/2019 (Quinta-feira)
20h - Espetáculo: Os Esperançosos
Grupo: Teatro de Oferenda | Recife - PE
Classificação 16 anos

Dia 27/09/2019 (Sexta-feira)
15h - Espetáculo: O Gato Malhado E A Andorinha Sinhá
Grupo: SERADAR – Sistema Educacional Radar | Vitória de Sto. Antão-PE
Classificação Livre

20h - Espetáculo Convidado: O Touro Azul E As Canções
Grupo: Anaíra Mahin e Rildo de Deus | Vitória de Santo Antão - PE
Classificação Livre

Dia 28/09/2019 (Sábado)
15h - Espetáculo: É De Tirar O Chapéu
Grupo: ONG GIRAL | Cidade: Glória do Goitá - PE
Classificação Livre

20h - Espetáculo: Diário da Independência
Grupo: São Gens de Teatro | Jaboatão dos Guararapes
Classificação 16 anos

Dia 29/09/2019 (Domingo)
19h – Premiação com o Espetáculo: Grease

Luiz Pereira Neto

domingo, 15 de setembro de 2019

LBV mobiliza a sociedade em prol do brincar e da prática esportiva para crianças e jovens

setembro 15, 2019

A Legião da Boa Vontade (LBV) está realizando mais uma edição de sua campanha Eu ajudo a mudar!, iniciativa que tem o objetivo de mobilizar as pessoas para que contribuam para a manutenção das ações e dos programas socioeducacionais promovidos pela Instituição em todo o Brasil.
 
Na edição deste ano, a campanha destaca a importância do esporte e do brincar saudável na vida diária de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. A LBV acredita que essas práticas devem ser constantemente incentivadas a fim de que colaborem para fortalecer o protagonismo infantojuvenil, para garantir a proteção dos direitos desse público e para fomentar bons valores, entre os quais a solidariedade, o respeito, a união, a disciplina, a responsabilidade e o companheirismo.
 
As atividades esportivas e lúdicas na infância, por exemplo, colaboram para o desenvolvimento de aspectos físicos e motores, sociais, afetivos e cognitivos. Também despertam, entre outros benefícios, a criatividade, a imaginação, a capacidade de resolver problemas, a expressar sentimentos, a respeitar os colegas e auxilia no controle da ansiedade e na socialização.
 
Para que milhares de crianças, adolescentes e jovens tenham esses direitos assegurados, a Solidariedade faz toda a diferença. Por isso, a Legião da Boa Vontade convida a todos a fazer parte dessa iniciativa integrando o time da campanha Eu ajudo a mudar.  
 

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Acesse: www.lbv.org. Siga, curta e compartilhe as ações da Instituição nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Camila Mota de Castro

Encontro da Cultura Popular da Mata começa com sambada em Glória do Goitá neste domingo

setembro 15, 2019
Com apoio do Governo de Pernambuco, encontro vai acontecer até o dia 9 de novembro deste ano em outros quatro municípios

Foto: Divulgação

Com a proposta de estimular a preservação deste bem cultural, a Associação dos Maracatus de Baque Solto de Pernambuco promove, a partir deste domingo (15), às 14h, o início do 9º Encontro da Cultura Popular da Mata. A abertura do encontro será no Engenho Thomé, na Zona Rural de Glória do Goitá, e terá a realização da Sambada das Buzinas entre os Maracatus Estrela da Tarde de Glória do Goitá e o Leão da Vitória de Vitória de Santo Antão.

Com apoio do Governo de Pernambuco, através da Secretaria Estadual de Cultura e Fundarpe, o encontro vai acontecer até o dia 9 de novembro deste ano nos municípios de Glória do Goitá, Lagoa do Carro, Araçoiaba, Nazaré da Mata, Goiana e Buenos Aires.

Gilberto Freyre Neto, secretário de Cultura do Estado, lembra que o Maracatu de Baque Solto é Patrimônio Imaterial do Brasil, título concedido pelo Iphan, em 2014. "Quem faz cultura são os artistas e precisamos valorizar a cultura popular, preservar e promover a rica diversidade cultural em Pernambuco", destacou o secretário.

"Pernambuco tem feito seu dever de casa na política cultural, principalmente pelo seu compromisso com a cultura popular", frisou Canuto, que em 2014 estava presente, representando o Governo de Pernambuco, na solenidade do Iphan que titulou os Maracatus de Baque Virado e Solto como Patrimônios Imateriais do Brasil.

Sambada das Buzinas - “Esta sambada é para relembrar como era o passado, que é pra gente não se esquecer da nossa história”, explica Manoelzinho Salustiano, um dos realizadores do encontro.

“Só existem dois maracatus onde em seus ternos tem buzina, e a maioria dos jovens folgazões que brinca Maracatu de Baque Solto nunca ouviu falar disso. Essa sambada vai possibilitar que se entenda como era o Maracatu de Baque Solto do passado”, ressalta Manoelzinho.

Programação - 9º Encontro da Cultura Popular da Mata

Domingo (15/09) | 14h
Sambada das Buzinas entre o Maracatu Estrela da Tarde de Glória do Goitá e o Maracatu Leão da Vitória    
Terreiro no Engenho Thomé - Zona Rural de Glória do Goitá       
                       
Sábado (28/09) | 21h
Sambada no Quilombola entre o Maracatu Estrela da Tarde de Lagoa do Carro e o Maracatu Onça Dourada da Chã dos Esconsos      
Quilombola do Barro Preto - Zona Rural de Lagoa do Carro         
                       
Sábado (12/10) | 21h
Sambada de Mestre Aicão entre o Maracatu Leão Coroado de Araçoiaba e o Maracatu Cambinidinha de Araçoiaba      
Terreiro Sede do Leão Coroado em Araçoiaba       

Sábado (19/10) | 21h
Sambada na Terra dos Maracatus entre o Maracatu Águia Dourada de Nazaré da Mata e o Maracatu Leão Tucano de Nazaré da Mata   
Terreiro em frente do Centro Cultural Mauro Mota em Nazaré da Mata

Sábado (26/10) | 21h
Sambada dos Emboladores entre o Maracatu Leão da Fortaleza de Goiana e o Maracatu Beija Flor de Aliança           
Terreiro do Maracatu Leão da Fortaleza em Goiana         

Sábado (9/11) | 21h
Sambada no Sítio entre o Maracatu Leão Coroado de Buenos Aires e o Maracatu Carneiro Manso de Glória do Goitá  
Terreiro do Maracatu Leão Coroado na Chã do Maltez Zona Rural de Buenos Aires  

Informações: Se3cult/ Fundarpe    

Instagram