Foto: Daniela Batista

Já tradicional no Viva Dominguinhos o Troféu que também leva o nome do artista homenageará dez nomes este ano. A premiação, criada pelo historiador Antônio Vilela em 2015, é realizada pelo Governo Municipal de Garanhuns, por meio da Secretaria de Comunicação Social. A entrega aos 10 homenageados será realizada pelo prefeito do município, Izaías Régis, no sábado (21), às 19h.  
Serão premiados Gerlane Melo, atual gerente da Unidade do Sebrae em Garanhuns, e ex-secretária de Turismo de Garanhuns, na época da criação do Viva Dominguinhos; Neile Barros, atual secretária de Turismo e Cultura também receberá o Troféu, junto ao professor e historiador Antônio Vilela de Souza, apaixonado pela cultura nordestina, conselheiro do cariri cangaço e que, entre suas obras, tem ‘Dominguinhos, o Neném de Garanhuns’. Onildo Almeida, um dos mais constantes parceiros de Luiz Gonzaga e compositor da música ‘Onde o Nordeste Garoa’, em homenagem a Garanhuns, também receberá o Troféu. Onildo tem uma sólida e longa carreira musical, iniciada ainda no rádio, que gerou clássicos como ‘A Feira de Caruaru’, ‘Sanfoneiro Zé Tatu’, ‘Hora do Adeus’, ‘Se casamento fosse bom’ e ‘Aproveita gente’.
A imprensa estará bem representada pelo jornalista e diretor de Jornalismo da Rádio Jornal Recife, Carlos Morais; Arísio Coutinho Filho, diretor de Programação da Globo Nordeste, com larga experiência dentro da emissora, incluindo internacionais e Francisco José, repórter da Globo há 42 anos, autor do livro 40 anos no Ar e o diretor geral da Rede Globo Nordeste, Iuri Leite, filho do saudoso jornalista Ronildo Maia Leite. Ainda integra esse time a jornalista Jacqueline Menezes, atual secretária de Comunicação Social de Garanhuns. Ela realizou diversas entrevistas com o Mestre Dominguinhos para a TV Asa Branca, onde trabalhou por 11 anos, entre elas para o Projeto Minha Cidade desenvolvido pela emissora, em que Dominguinhos foi entrevistado como um dos filhos ilustres de Garanhuns. Ciro Bezerra, radialista, com 32 anos de profissão e que há dois anos apresenta o programa A Voz do Povo, na Rádio Jornal pela manhã e à noite O Povo na TV, na TV Jornal Recife.

HISTÓRICO DO PRÊMIO - Em 2017, foram homenageados o radialista Iran Pessoa; o fundador do grupo Quinteto Violado, Marcelo Melo; o guitarrista, violonista e compositor de Garanhuns, João Netto; o historiador Hélio Diógenes, criador do fã clube “Eterno Cantador”, que homenageia o Rei do Baião, Luiz Gonzaga;  e o cantor Flávio José. No ano anterior, quem recebeu o troféu foi Aldo Machado de Araújo, propagador da música nordestina no Brasil; o instrumentista Genaro; Eurides Menezes, pai do cantor Waldonys; Jarbas Brandão; o sanfoneiro e sobrinho de Luiz Gonzaga, Joquinha; Flávio José e os cantores Elba Ramalho e Jorge de Altinho. Em 2015, os escolhidos foram o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis; o radialista Geraldo Freire, o jornalista Ney Vital; Wilson Seraine, professor universitário e radialista; o cantor e radialista Zezinho de Garanhuns; o colecionador Paulo Wanderley; o ex-prefeito Ivo Amaral; o proprietário da casa de eventos Arriégua, Luiz Ceará; o cantor e compositor Waldonys; o filho de Dominguinhos, Mauro Moraes; José Nobre, proprietário do Museu Luiz Gonzaga de Campina Grande; Marcos Lopes, proprietário do Forró da Lua, e a ex secretária de Cultura de Garanhuns, Cirlene Leite.


Com a missão de abrir os festejos juninos do Nordeste, a cidade de Garanhuns inicia a V edição do Viva Dominguinhos, que começa nesta quinta-feira (19) a partir das 20h no polo principal, na Praça Mestre Dominguinhos. Um evento que reverencia a história do forró de raiz e a forte ligação do músico Dominguinhos com sua cidade natal (Garanhuns). Serão mais de 30 shows gratuitos, distribuídos em dois polos, o Colunata que fica no centro da cidade, tem início as 10h na sexta-feira e no sábado e na Praça Mestre Dominguinhos, pontualmente as 20h, na quinta, sexta e sábado.
A festa vai ser aberta com o pernambucano Mourinha do Forró, que está completando 27 anos de carreira como músico e até hoje tem como inspiração a obra de Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. Em seguida o grupo Quinteto Violado sobe ao palco, e traz um show em homenagem a dois garanhuenses, Dominguinhos e Toinho Alves. No repertório, músicas que compuseram juntos, a exemplo de “Sete Meninas”. Na noite em que serão cantados os sucessos, imagens dos artistas já falecidos irão figurar nos telões. Santana é a terceira atração da noite, Dominguinhos era sua maior inspiração musical, e se tornou amigo do artista. Santanna participou de muitos shows de Gonzagão, fazendo a abertura e posteriormente, sendo vocal.
Finalizando a noite, sobe ao palco Jorge de Altinho que promete apresentar os grandes sucessos carreira, que conta com mais de 29 álbuns lançados.
Já consolidado no calendário cultural do Nordeste, a expectativa é que mais de 200 mil pessoas passem pela cidade durante os dias de evento, superando o público do ano passado.

Confira a programação completa:

Gabriela Ramos


A partir do mês de junho, os projetos financiados pelo Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (SARA), por meio do ProRural, terão acompanhamento em tempo real. O órgão está desenvolvendo um aplicativo que vai georeferenciar e monitorar a execução e implantação de cada etapa dos investimentos, assim como permitir a atualização das informações in loco pelos técnicos do Programa.

A ideia é dar agilidade e maior controle dos processos, para que, no menor prazo possível, os benefícios de cada projeto produtivo ou de infraestrutura rural sejam sentidos pelos agricultores familiares apoiados pelo Estado. O aplicativo representa um “up grade”, no sistema Aroeira, o Sistema de Gerenciamento e Monitoramento de Informações do ProRural, que já permite o acompanhamento dos projetos pela internet.

O pleito por uma ferramenta digital foi feito pessoalmente pelo diretor geral da Instituição, Fábio Fiorenzano, em vídeo conferência com representante do Banco Mundial em Washington/EUA, João Vicente, responsável pelas aquisições do Projeto Pernambuco Rural Sustentável. Para o gestor do ProRural, a mudança nos instrumentos de gestão e controle são de grande importância para a melhoria dos trabalhos no Programa.

Segundo o gerente de Monitoramento e Avaliação do ProRural e responsável pelo Aroeira, Arthur Perruci, o Sistema já é uma ferramenta de grande utilidade e transparência no processo de gerenciamento, mas ficará ainda mais eficaz com o aplicativo. “Com a nova ferramenta, os técnicos de área poderão atualizar as informações de cada projeto financiado direto do celular na visita ao local, e providências a respeito de sua execução poderão ser encaminhadas na hora”, explica.
  
Nesta quarta-feira (18), a primeira versão do aplicativo será apresentada à Direção Geral para teste, e a expectativa é de que até o final de maio já esteja sendo testado e em uso. As melhorias no sistema Aroeira contarão também com a ampliação da velocidade dos links de internet nos escritórios do ProRural e capacitação das equipes que utilizarão tanto o sistema quanto o aplicativo.

Rossana Fonseca

O autor Matheus Rocha fará uma sessão de autógrafos na unidade, nesta quinta-feira (19/4), a partir das 20h


O Salão de Eventos Jaime Pincho, do Sesc Garanhuns, sedia o lançamento do intitulado “A vida útil do fim do mundo” e promove uma sessão de autógrafos com o autor da obra, o garanhuense Matheus Rocha. Haverá ainda um bate-papo com o público sobre o tema do livro mediado pela professora Klébia Sampaio (PE). A entrada é gratuita e destinada a pessoas acima de 15 anos.

“A vida útil do fim do mundo” contempla 12 narrativas em tons intimistas com referências à literatura da geração do mimeógrafo e às escritas dos autores nacionais Clarice Lispector e Caio Fernando Abreu. O evento tem como proposta valorizar a produção de conteúdos dos escritores locais e promover o acesso à literatura nacional por públicos distintos.

Para a professora de Artes do Sesc Garanhuns, Marcilene Pereira, abrir espaço para os novos autores é uma das iniciativas que fortalecem a atuação de destaque do Sesc em prol da literatura. “Para quem está iniciando a vida profissional como escritor, não é fácil conseguir espaço. Aqui são todos tratados com muito respeito e incentivo para que surjam sempre novos trabalhos. Matheus Rocha é um jovem autor, mas dono de uma literatura forte. Esse é o segundo livro que lançará conosco”, afirma.

Serviço – Lançamento do livro “A vida útil do fim do mundo”
Data: 19 de abril
Local: Sesc Garanhuns – Rua Manoel Clemente, nº 136, Centro
Horário: 20h
Entrada gratuita
Informações: (87) 3761-2658

Claudio Rodrigues


O forró vai tomar conta de Garanhuns durante os três dias do Festival Viva Dominguinhos, que acontece neste final de semana, a partir desta quinta-feira (19). com grande nomes da música nordestina. 

Para garantir ainda mais segurança e alegria, o CRPAM - Comitê Regional de Prevenção a Acidentes de Trânsito, estará com a Operação Lei Seca, fiscalizando os condutores de veículos, buscando tirar de circulação os motoristas que tenham ingerido bebida alcoólica. A ação conta também com a parceria da Polícia Militar, através do 9º BPM, e seu comandante, TEN CEL Paulo César Cavalcanti.

A gestora da V GERES - Gerência Regional de Saúde, Catarina Tenório, explica a ação em Garanhuns. "Estaremos com a Operação Lei Seca também de forma educativa, abordando os veículos durante o Festival. Nos períodos festivos é comum as pessoas consumirem bebida alcoólica e dirigirem, o que aumenta a incidência de acidentes, muitas vezes fatais. Outras instituições de segurança, a exemplo da Polícia Rodoviária Federal, também contam com ações específicas durante o período."

Lei Seca

As ações da Operação Lei Seca são realizadas em horários variados e de forma itinerante, com o uso de vans informatizadas para realização dos testes de alcoolemia. É comprovado que a Operação Lei Seca tem reduzido o número de acidentes no estado, e a presença da equipe em um evento leva mais segurança para todos que vão curtir a festa.

Ronaldo Cesar Carvalho

Imagem: Divulgação
Desde a terça-feira (17) que a Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde – Aesa está recebendo a visita de uma comissão encaminhada pelo Conselho Estadual de Educação – CEE que está auditando as instalações para a implantação do Curso de Engenharia Civil. De acordo com o presidente da Aesa, Roberto Coelho, a chegada deste curso é mais uma etapa do projeto de reestruturação da Autarquia que está sendo finalizada.
“Apesar das dificuldades que o Brasil passa e, por consequência, também estamos enfrentando, nunca perdemos a esperança em buscar o crescimento. Com Engenharia Civil passamos a contar com um total de 14 cursos superiores, com vestibular previsto para julho. Quero agradecer a prefeita Madalena Britto pelo apoio e a confiança depositada em mim, e ratificar que em sua gestão a Aesa vai registrar, em seus anais, o maior crescimento dos últimos 50 anos de fundação e funcionamento”, declarou Coelho.
Ao ser questionado sobre qual seria o próximo desafio, Roberto Coelho informou que a proposta é conseguir a implantação do Curso de Direto. “Nós estamos trabalhando também, para que até o final da gestão da prefeita Madalena, consigamos fazer com que a Aesa seja denominada Centro Universitário e não mais, Autarquia de Ensino”, disse.
ASCOM/PMA

Foto: Silvana Marques/Divulgação
Morreu, na noite desta a segunda-feira, aos 97 anos, Dona Ivone Lara, a grande Rainha do Samba. A sambista, que estava internada há 03 dias , morreu por insuficiência cardiorrespiratória. Ela deu entrada na unidade por causa de uma uma infecção renal, com complicações causadas pela idade. 
A Dona do Samba

Yvonne Lara da Costa, ou Dona Ivone Lara, nasceu em 13 de abril de 1921, em Botafogo, Zona Sul. Ela se formou em Enfermagem, com especialização em terapia ocupacional, e chegou a trabalhar em hospitais psiquátricos. Se aposentou na profissão em 1977, quando passou a se dedicar exclusivamente à carreira artística.

Yvonne foi criada pelos tios, já que os pais morreram quando ela tinha três anos de idade (pai) e 12 (mãe). Foi com eles que teve seus primeiros contatos com o mundo da música.

Casou-se com Oscar Costa, presidente da escola de samba Prazer da Serrinha. Com ele, teve dois filhos, Alfredo e Odir. Foi na Prazer da Serrinha onde conheceu alguns compositores que viriam a ser seus parceiros musicais, como Mano Décio da Viola e Silas de Oliveira

Compôs o samba "Nasci Para Sofrer", que se tornou o hino da Império Serrano em 1947, escola na qual desfilou na ala das baianas. Mas a consagração veio em 1965, com "Os Cinco Bailes da História do Rio". Foi quando se tornou a primeira mulher a fazer parte da ala de compositores de escola de samba. 

Em 2012,foi homenageada pela escola de coração, com o enredo "Dona Ivone Lara: O enredo do meu samba".

Suas músicas foram gravadas por vários ícones da música brasileira, dentre eles, Clara Nunes, Roberto Ribeiro, Maria Bethânia, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Paula Toller, Paulinho da Viola, Beth Carvalho, Mariene de Castro, Roberta Sá, Marisa Monte e Dorina.

Alguns de seus grandes sucessos são "Sonho Meu", "Acreditar", "Tendência", "Mas Quem Disse que Eu Te Esqueço" e "Alguém me Avisou ".

Ela também atuou como atriz como no programa Sítio do Pica-Pau Amarelo, onde viveu a Tia Nastácia.

Informações: O Dia


No próximo dia 17 de abril, Arcoverde recebe a Oficina Trabalhista da ESA/OAB-PE que vai abordar cálculos trabalhistas, petições iniciais, honorários sucumbenciais e contratuais. Dentre os palestrantes estão, Fábio Silveira, advogado e coordenador da ESA-PE; Adriano Cabral, advogado e membro da Comissão de Direito do Trabalho da OAB-PE; e Victor Veras, advogado e professor do trabalho. 

O evento vai acontecer na Sede da OAB de Arcoverde às 18h, com inscrição gratuita.

ASCOM