terça-feira, 7 de abril de 2020

Edital Funcultura de Microprojeto Cultural segue com inscrições abertas até 5 de junho

A Secretaria de Cultura e a Fundarpe prorrogaram até o dia 5 de junho as inscrições do segundo edital Microprojeto Cultural. O certame faz parte do conjunto de editais do Funcultura, e representa 2% do montante deste, totalizando um valor aproximado de R$ 640 mil reais, sendo R$ 15 mil o teto para cada projeto. Como o próprio nome sugere, o edital é voltado para projetos de baixo custo e para proponentes jovens, entre 18 e 29 anos.
Para inscrever o projeto, o proponente precisa estar ativo e regular no Cadastro de Produtor Cultural, cujas inscrições e renovações voltaram a ficar abertas, até 17 de abril. Elas devem ser feitas exclusivamente pelo e-mailcpc.funcultura@gmail.com.

Já as inscrições de projetos para o edital de Microprojeto devem ser feitas exclusivamente pelo endereço eletrônico editalmicroprojeto@gmail.com. A unidade de Atendimento ao Produtor Cultural está funcionando de forma remota, pelo email atendimentosic@fundarpe.pe.gov.br, e também pelo telefone (81) 98327.0979.
Estimular a criação e participação do produtor(a) e criador(a) no desenvolvimento da arte e da cultura, promover a cidadania cultural e estimular as expressões locais, com garantia de regionalização são portanto os objetivos do edital do Microprojeto Cultural. O edital foi elaborado de forma simplificada justamente para facilitar o entendimento dos proponentes iniciantes.
Os projetos deverão ser desenvolvidos nas cidades de residência do proponente, salvo em caso de projetos de autoformação (intercâmbios, residências artísticas, pesquisa, etc). O edital também sugere os tipos de projetos que podem ser apresentados neste edital. Entre eles estão: ações de criação, produção, fruição e difusão de expressões artísticas e culturais, como: música; artes visuais; audiovisual; performance; teatro, dança e circo; moda, design; fotografia; hip hop; literatura; artesanato; culturas tradicionais, cultura popular, patrimônio cultural material e imaterial; cultura de comunidades de imigrantes, refugiados, povos indígenas, quilombolas e ciganos; interlinguagens; cultura digital; comunicação; cultura urbana; gastronomia; cultura LGBTQI+; processos que incluam o conceito de cultura na sua dimensão antropológica, como modo de vida e consolidação de identidades (como étnicas, raciais, de gênero, geracional, entre outras).
Também podem contemplar ações culturais ou eventos que ocorrem periodicamente; além de processos de articulação de redes e fóruns coletivos em torno de temas da cultura; Gestão de espaços culturais ou arranjos coletivos culturais; Iniciativas relacionadas à economia solidária e à economia da cultura, geradoras de produtos; além de ações de formação cultural.

Leia atentamente o edital e suas regras, e participe!
Fundarpe

Nenhum comentário:

Postar um comentário