quinta-feira, 18 de julho de 2019

O Som e a Sílaba abre o Festival de Inverno de Garanhuns nesta quinta-feira


O Festival de Inverno de Garanhuns começa nesta quinta-feira, 18 de julho, às 19h, no Teatro Luiz Souto. E quem abre a programação é o premiado espetáculo "O Som e a Sílaba” de Miguel Falabella. A peça escrita e especialmente para as atrizes Alessandra Maestrini e Mirna Rubim, cantoras-atrizes com registro lírico. O espetáculo conta a história de Sarah Leighton, uma mulher com diagnóstico de autismo altamente funcional – uma savant, com habilidades específicas em algumas áreas (entre elas, a música), e sua relação com Leonor Delis, sua professora de canto. Após a morte dos pais, Sarah busca alguém que lhe ajude a dar algum sentido à sua vida. A jovem tem consciência de suas limitações nas relações pessoais e sabe que precisa romper as barreiras da síndrome para se ajustar ao mundo lá fora. Em sua busca por autonomia, ela lista suas habilidades, entre elas, o cantar. Ela sabe cantar.  Recém-saída de um divórcio penoso, Leonor, por sua vez, atravessa uma crise pessoal e profissional. A música vai unir essas duas mulheres e esse encontro mudará definitivamente a trajetória de ambas. Recheada com árias, duetos e trechos célebres do bel canto, “O Som e a Sílaba” celebra a grandeza e mistério da mente humana e seu inexorável avanço em sua aventura na terra.
Após o espetáculo o público segue para a Catedral de Santo Antônio onde acontece à partir das 21h , o Tributo a Luiz Vieira, com Altemar Dutra Jr.; Claudete Soares, Eliana Pittman e Márcio Gomes.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário