sábado, 20 de julho de 2019

Festival de Inverno de Garanhuns inova com questionário online e premiações, em parceria inédita com o aplicativo Colab


Esta quinta-feira (18) marca o início do 29° Festival de Inverno de Garanhuns. Durante os próximos 10 dias – em que comemoramos o centenário do nascimento do Mestre Jackson do Pandeiro, em mais 21 polos distribuídos pela cidade –, damos também o pontapé para a organização da próxima edição, em 2020, em que celebraremos os 30 anos do Festival. Em parceria inédita com a startup Colab, o Governo de Pernambuco – por meio da Secretaria de Cultura, da Fundarpe, e com apoio da Secretaria de Turismo – se une à essa ferramenta colaborativa para realizar uma avaliação do evento.

Com o intuito de fazer o FIG cada vez mais inclusivo, garanhuenses e visitantes poderão contribuir com o Festival deste ano, respondendo ao formulário “Pesquisa do perfil do Visitante do Festival de Inverno de Garanhuns”, disponibilizado para quem estiver na cidade e baixar o aplicativo Colab, no AppStore e PlayStore. E como forma de agradecimento à participação, as primeiras 300 pessoas que concluírem a missão do questionário durante o FIG serão bonificadas com produtos de projetos financiados pelo Funcultura, como CDs, DVDs e livros. A forma de retirada dos prêmios será comunicada a todos os ganhadores. Em outras palavras: até o próximo dia 27 de Julho, mais do que um canal ativo de comunicação, essa será mais uma forma de democratização do acesso à cultura, no Agreste Setentrional.

Para quem tiver baixado o aplicativo, mas, em meio aos 10 dias de shows, concertos, espetáculos, exposições, cursos, seminários e encontros diversos, não encontrar tempo para responder; não tem problema. O questionário ainda estará disponível por uma semana após o término do FIG. Basta ter realizado o download do Colab durante o evento para ter acesso à pesquisa e concorrer a produtos do Funcultura e ingressos ao Cine São Luiz e Teatro Arraial.

Os dados coletados ajudarão o poder público a entender as demandas da população, medir e planejar melhor todas as ações do FIG, assim como resolver problemas apontados pela população de forma mais rápida, transparente, estruturada, responsiva e econômica, tornando o trabalho para a realização dessa festa mais eficiente. 
Sobre o Colab – Um aplicativo criado em 2013 para servir aos cidadãos e ao poder público. Com cara de rede social, por meio do qual o usuário pode publicar propostas ou reclamações sobre sua cidade, que serão encaminhadas sem burocracia para gestores municipais e governamentais. O Colab é também um modelo que se baseia no triângulo da gestão pública participativa: gestão eficiente, participação popular e engajamento para a cidadania. Essa metodologia vem sendo desenvolvida pelo Colab desde sua fundação, em 2013, e está em constante aperfeiçoamento. Esse conhecimento foi construído com base no relacionamento com mais de 100 prefeituras desde o lançamento do Colab, com a colaboração de mais de 2 mil gestores públicos e a participação de mais de 250.000 cidadãos que já utilizaram o aplicativo."

Informações: Fundarpe


Nenhum comentário:

Postar um comentário