quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Festival Nacional de Vídeos de Curta-metragem coemça em Taquaritinga do Norte nesta quarta-feira


Começa, nesta quarta-feira (21/11), a 5ª edição do Curta Taquary – Festival Nacional de Vídeos de Curta-metragem, que acontece na cidade de Taquaritinga do Norte, no Agreste pernambucano. Até a próxima sexta-feira (23/11), o festival exibe mais de 100 curtas, entre animações, ficções e documentários, vindos de dez estados brasileiros.

O Curta Taquary acontece no Cine Teatro Santo Amaro, a partir das 9h. Todas as sessões são gratuitas. A abertura oficial do evento aconteceu na manhã desta quarta-feira (21), com a realização da Feira Multicultural, que traz exposições de fotografia e artesanato, roda de capoeira, espetáculos de dança e recitais, na Praça Antônio Pereira, em frente ao Cine Teatro.

A programação é formada pelas mostras competitivas Nacional, Primeiros Passos e Dália da Serra, além de sete mostras paralelas, como a Mostra Latino-americana, que exibe produções de Cuba, México e Venezuela, e a Mostra Especial Olhar Feminino, dedicada a filmes dirigidos exclusivamente por mulheres. Confira aqui a programação dos três dias de exibição.

Na quinta e sexta-feira, dias 22 e 23/11, às 10h, o festival promove debates com os diretores de curtas que participam das mostras competitivas e paralelas. Cerca de 60 diretores foram convidados para a ocasião. A ideia é que o público possa dialogar com eles sobre as produções exibidas na noite anterior ao debate. As rodas de diálogo serão transmitidas pela internet, ao vivo. O endereço da transmissão será divulgado na fan page do Curta Taquary.

A programação é formada pelas mostras competitivas Nacional, Primeiros Passos e Dália da Serra, além de sete mostras paralelas, como a Mostra Latino-americana, que exibe produções de Cuba, México e Venezuela, e a Mostra Especial Olhar Feminino, dedicada a filmes dirigidos exclusivamente por mulheres. Confira aqui a programação dos três dias de exibição.

HomenagensA 5ª edição do Curta Taquary presta homenagem à atriz paraibana Zezita Matos e ao diretor José Mojica Marins, o Zé do Caixão. Conhecida pelo título de dama do teatro paraibano, Zezita fez parte do elenco de clássicos do cinema brasileiro, como “Menino de engenho”, e de filmes que se destacaram na cena contemporânea, como o recente “Boa sorte, meu amor” (de Daniel Aragão), “O céu de Suely” (de Karim Aïnouz) e “Cinema, aspirinas e urubus” (de Marcelo Gomes).

“Toda homenagem é pouca para estes grandes nomes, nós precisamos celebrá-los”, afirma Alexandre Soares, coordenador geral do festival. Soares conta que a motivação em homenageá-los vem do legado de cada um para o cinema brasileiro. “José Mojica lotava cinemas na década de 1960 com filmes de terror, com um personagem fantástico, o Zé do Caixão, um anti-herói adorado pelo público”, afirma Alexandre. A homenagem a Mojica acontece na quinta-feira (22/11), às 19h30, com a presença do artista. Zezita Matos vai estar no Curta Taquary na noite da sexta-feira (23/11).

A cerimônia de premiação acontece na sexta-feira (23/11), às 20h. Conheça os membros do júri que irão julgar os curtas de cada categoria em competição. Além das mostras competitivas, também serão escolhidos: Melhor Filme Fantástico, Melhor Filme com temática da Diversidade Sexual, Melhor Filme eleito pelo júri popular e o Troféu Olhar Feminino. 

Informações: Fundarpe

Nenhum comentário:

Postar um comentário