terça-feira, 13 de novembro de 2012

Artista arcoverdense participa de Festival de Cinema

O 14º FestCine – Festival de Vídeo de Pernambuco divulgou, na última sexta-feira (09), a lista completa dos filmes concorrentes. Em seu terceiro ano consecutivo, o festival acontece entre os dias 3 a 8 de dezembro no Cinema São Luiz, e apresenta ao público mais de 60 trabalhos, como obras de ficção, documentário, videoclipe, experimental e animação, que celebram o bom momento do cinema produzido em Pernambuco.

O artista arcoverdense Rodolfo Araújo, foi um dos selecionados para o festival. Ele estreará seu mais novo trabalho, o documentário “Tadeu Lino – em seu tempo”. O filme apresenta o agricultor e artesão Tadeu Lino, morador do Sítio Apolinário na cidade de Triunfo, Sertão do Pajeú pernambucano. O artista desenvolve, com pouco conhecimento público o trabalho de artesão. Com ênfase em sua oralidade, o artista apresenta seu tempo e seu espaço, diante dos valores e do pertencimento cultivado ao longo de sua vida. O filme é uma realização da produtora arcoverdense Abra-ce Filmes em parceria com o Sesc Pernambuco.

95 obras foram inscritas e avaliadas, sendo selecionados 67 filmes para a competição, Rodolfo Araújo é o único representante do interior do estado, os demais vídeos vem da região metropolitana do Recife.

Nesta 14° edição, o Festival de Vídeo de Pernambuco traz algumas novidades. A primeira delas foi a incorporação do nome FestCine ao festival, que desde a estreia é reconhecido como um dos principais divulgadores da produção audiovisual independente do estado. O valor da premiação para as duas mostras competitivas também está maior, totalizando R$ 73,5 mil – praticamente o dobro da edição passada. 

A comissão julgadora do FestCine será formada por profissionais indicados pelas entidades do setor, como a Associação Brasileira de Documentaristas e a Associação de Cineastas (ABD-Apeci), o Fórum do Audiovisual, e a Associação de Produtores e Cineastas do Norte e Nordeste (APCNNE), e a Federação Pernambucana de Cineclubes (Fepec), além dos indicados pela Coordenadoria do Audiovisual da Secult-PE/Fundarpe e da Gerência de Audiovisual da PCR, que coordenam o festival.
 
Informações: ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário