Janela Internacional de Cinema divulga programação completa



Nona edição traz 100 filmes de 21 países que formam um panorama contemporâneo e de clássicos do cinema mundial. Festival amplia ações com exibições no Ocupe Cine Olinda, sessões especiais e presenças de diretores. Competição de longas traz oito filmes de sete países, entre eles, Eu, Daniel Blake, vencedor da Palma de Ouro em Cannes deste ano.

O Janela Internacional de Cinema do Recife apresenta a programação integral de sua nona edição. Realizado desde 2008 por Kleber Mendonça Filho e Emilie Lesclaux, e desde o ano passado sob a coordenação de programação de Luís Fernando Moura, o festival mais concorrido da cidade está de volta, com as mostras de curtas, programa de clássicos e seleções especiais projetados em 2 e 4K, no formato DCP (Digital Cinema Package) e 35mm. De 28 de outubro a 6 de novembro, 100 filmes de 21 países, oficinas, palestras e convidados brasileiros e estrangeiros ocuparão ao longo dos dez dias dois cinemas de rua da cidade: o São Luiz, no Centro do Recife, e o Cinema do Museu, em Casa Forte. Em parceria com o Janela, o Ocupe Cine Olinda realizará sessões especiais no prédio do histórico cinema de rua olindense. O Cinema da Fundação do Derby, habitualmente uma das casas do festival, segue fechado para reforma. A nona edição do festival Janela Internacional de Cinema do Recife é organizada pela CinemaScópio Produções Cinematográficas e Artísticas, tem patrocínio da Petrobras e incentivo do Funcultura / Fundarpe, Secretaria de Cultura do Governo de Pernambuco.

Junto à grade competitiva de longas e curtas, a programação do 9º Janela terá programação especial diversificada. Entre os destaques está a mostra “Especial Shakespeare”, uma seleção de cinco longas e quatro curtas, em nova parceria com o prestigiado British Film Institute (BFI) por meio de apoio do British Council. Entre as sessões, uma exibição de adaptações silenciosas da obra de Shakespeare filmadas no Reino Unido do início do século 20, com trilha sonora ao vivo do coletivo pernambucano RUMOR, programada para o encerramento do festival. O público poderá acompanhar ainda a programação com curadoria do coletivo português Rabbit Hole, que traz ao Janela uma seleção de doze curtas-metragens, com apoio do Instituto Camões, além de novas parcerias com os cineclubes Toca o Terror, do Recife, e Cachaça Cinema Clube, do Rio de Janeiro. 

No Cinema do Museu, uma conversa especial com a diretora argentina Lucrecia Martel está programada para o dia 1º de novembro. Completam a lista sessões especiais de longas, curtas e clássicos, lançamento de livros, mostras convidadas e debates.

OCUPE CINE OLINDA – Uma das ações atuais mais instigantes em prol dos cinemas de rua, o Ocupe Cine Olinda faz parceria com o Janela. Ocupado há cerca de 15 dias por ativistas que rechaçam o longo período de ostracismo, de mais de cinco décadas, do único equipamento de cinema de rua da cidade, o Cine Olinda vem recebendo projeções das mais variadas, curadas e organizadas pela ação articulada e independente desses grupos. Uma programação especial para o espaço, integrada ao Janela e planejada por uma comissão vinculada à ocupação, será divulgada nos canais online do festival e do grupo na semana do festival.


CINEMA SÃO LUIZ

Sexta (28)
16h | ABBRACINE: Eles Não Usam Black-Tie, Leon Hirszman – 123 min
18h45 | ESPECIAL: Roteiro Sentimental do Primeiro Cineasta, imagens de Walfredo Rodriguez organizadas por Lucio Vilarz – 8 min + Animal Político, Tião – 76 min
21h15 | FILME DE ABERTURA: O Delírio é a Redenção dos Aflitos, Fellipe Fernandes – 21 min + Eu, Daniel Blake, Ken Loach – 100 min

Sábado (29)
11h | Sessão Bossa Jovem: ESPECIAL SHAKESPEARE: Romeu e Julieta, Franco Zeffirelli – 138 min
14h30 | ESPECIAL: Toni Erdmann, de Maren Ade – 162 min
17h45 | CLÁSSICOS: 1 Berlim-Harlem, Lothas Lambert e Wolfram Zobus – 100 min
19h50 | COMPETITIVA LONGAS: Martírio, Vincent Carelli – 160 min + debate
23h45 | Sessão da Meia Noite: CLÁSSICOS: Um Dia de Cão, Sidney Lumet – 124 min

Domingo (30)
11h | CLÁSSICOS: Pinóquio, Walt Disney – 88 min
14h30 |ESPECIAL: Cinema Novo, Eryk Rocha – 90 min + debate
16h30 | COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 1: Mudanças de Eixo – 84 min + debate
19h | COMPETITIVA LONGAS: A Cidade Onde Envelheço, Marília Rocha – 80 min + debate
21h15 | CLÁSSICOS: Hair, Milos Forman – 121 min

Segunda (31)
15h30 | COMPETITIVA LONGAS: A Economia do Amor, Joachim Lafosse – 100 min
17h30 | COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 2: Estás Vendo Coisas – 81 min + debate
19h35 | ESPECIAL: Câmara de Espelhos, Déa Ferraz – 77 min + debate
21h40 | Reprise: ESPECIAL: Elle, Paul Verhoeven – 130 min

Terça (1º)
15h40 | COMPETITIVA LONGAS: O Ornitólogo, João Pedro Rodrigues – 118 min
18h | COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 2: Moeda Corpo – 82 min
19h45 | COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 3: Santas, Diabas e Outras Entidades – 85 min + debate
22h | CLÁSSICOS: Eles Vivem, John Carpenter – 93 min
0h30 | Sofilm Summercamp: Cine Karaokê* | *Local: Haus Lajetop & Beergarden (Pina)

Quarta (2)
11h | ESPECIAL SHAKESPEARE: Ricardo III, Richard Loncraine – 104 min
14h | ESPECIAL: Curtas – A desconhecida, a peguete e o porteiro – 68 min + debate
15h45 | COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 1: Más Influências – 77 min + debate
17h35| COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 4: Eclipses – 83 min + debate
19h40 | COMPETITIVA LONGAS: O auge do humano, Eduardo Williams – 100 min + debate
22h| ESPECIAL SHAKESPEARE: MacBeth, Roman Polanski – 140 min

Quinta (3)
14h | COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 3: Freud e seus Amigos – 79 min
15h35 |COMPETITIVA LONGAS: Wild, Nicollette Krebitz – 97 min
17h30| PROGRAMA CONVIDADO Rabbit Hole: Xenométricas – 53 min
18h45| ESPECIAL: A Cidade do Futuro, Cláudio Marques e Marília Hughes – 75 min + debate
20h40| ESPECIAL: O Último Trago, Luiz Pretti, Pedro Diogenes e Ricardo Pretti – 92 min + debate
22h50 | Reprise CLÁSSICOS: Sedução e Vingança, Abel Ferrara – 80 min

Sexta (4)
15h30 | COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 4: Espíritos e Criaturas – 78 min + debate
17h30 | PROGRAMA CONVIDADO: Cachaça Cinema Clube: Antes, o Verão, Gerson Tavares – 80 min
19h15 | COMPETITIVA LONGAS: Muito romântico, Melissa Dullius e Gustavo Jahn – 72 min + debate
21h20 | CLÁSSICOS: Apocalypse Now, Francis Ford Coppola – 153 min

Sábado (5)
11h | Sessão Bossa Jovem: Reprise ESPECIAL SHAKESPEARE: Henrique V, Laurence Olivier – 136 min
14h10 | Reprise: CLÁSSICOS: Eles Vivem, John Carpenter – 93 min
16h | ESPECIAL: O Cinema, Manoel de Oliveira e Eu, João Botelho – 80 min + debate
18h | ESPECIAL: Gente Bonita, Leon Sampaio – 74 min + debate
20h | ESPECIAL: Solon, Clarissa Campolina – 16 min + Elon Não Acredita na Morte, Ricardo Alves Jr – 75 min + debate
22h30 | Reprise CLÁSSICOS: Robocop, Paul Verhoeven – 103 min

Domingo (6)
11h | Reprise CLÁSSICOS: O Criado, Joseph Losey – 116 min
14h | ESPECIAL SHAKESPEARE: Rei Lear, Peter Brook – 137 min
16h40 | CLÁSSICOS: Memórias do Subdesenvolvimento, Tomás Gutiérrez Alea – 104 min
18h40 | CLÁSSICOS: Sessão surpresa – 85 min
20h45 | ESPECIAL SHAKESPEARE: Shakespeare Plan On! Trilha ao Vivo por RUMOR – 70 min

CINEMA DO MUSEU

Sexta (28)
17h30 | ABERTURA CLÁSSICOS: Memórias do Subdesenvolvimento, Tomás Gutiérrez Alea – 104 min

Sábado (29)
14h30 | ESPECIAL: Elle, Paul Verhoeven – 130 min
17h | CLÁSSICOS: O Criado, Joseph Losey – 116 min
19h15 | CLÁSSICOS: Robocop, Paul Verhoeven – 103 min
21h10 | ESPECIAL SHAKESPEARE: Henrique V, Laurence Olivier – 136 min

Domingo (30)
11h | Reprise ESPECIAL: Toni Erdmann, de Maren Ade – 162 min
14h30 | COMPETITIVA LONGAS: Diamond Island, Davy Chou – 101 min
16h30 | Reprise COMPETITIVA LONGAS: Martírio, Vincent Carelli – 160 min
19h25 | ESPECIAL: De Palma, Noah Baumbach – 107 min
21h30 | Reprise CLÁSSICOS: Um Dia de Cão, Sidney Lumet – 124 min

Segunda (31)
15h20 | Reprise COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 1: Mudanças de Eixo – 84 min
17h | Reprise COMPETITIVA LONGAS: A Cidade Onde Envelheço, Marília Rocha – 80 min
18h40 | ESPECIAL: A Morte de Luís XIV, Albert Serra – 115 min
21h | PROGRAMA CONVIDADO Toca o Terror: A Percepção do Medo, Armando Fonseca, Kapel Furman e Gurcius Gewdner – 90 min + Domingos, Jota Bosco – 15 min

Terça (1º)
15h10 | Reprise COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 2: Estás Vendo Coisas – 81 min
17h | Conversa com Lucrecia Martel
19h10 | Reprise COMPETITIVA LONGAS: Diamond Island, Davy Chou – 101 min
21h10 | CLÁSSICOS: O Porteiro da Noite, Liliana Cavani – 118 min

Quarta (2)
14h | Reprise COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 3: Santas, Diabas e Outras Entidades – 85 min
15h40 | ESPECIAL: Being Boring, Lucas Ferraço Nassif – 77 min
17h15 | ESPECIAL: Porto, Gabe Klinger – 77 min
19h| CLÁSSICOS: Sedução e Vingança, Abel Ferrara – 80 min
20h40 | Reprise COMPETITIVA LONGAS: A Economia do Amor, Joachim Lafosse – 100 min

Quinta (3)
14h30 | Reprise COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 1: Más Influências – 77 min
16h | Reprise COMPETITIVA CURTAS NACIONAL 4: Eclipses – 83 min
17h40| Reprise COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 2: Moeda Corpo – 82 min
19h20| Reprise COMPETITIVA LONGAS: O auge do humano, Eduardo Williams – 100 min
21h15| ESPECIAL: Paterson, Jim Jarmusch – 115 min

Sexta (4)
15h20 | Reprise COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 3: Freud e seus Amigos – 79 min
17h | ESPECIAL: Animal Político, Tião – 76 min + debate
19h | Reprise COMPETITIVA LONGAS: O Ornitólogo, Joaquim Pedro Rodrigues – 118 min
21h30 | Baile Perfumado – 20 anos – 93 min

Sábado (5)
11h | Reprise COMPETITIVA CURTAS INTERNACIONAL 4: Espíritos e Criaturas – 78 min
14h | Reprise COMPETITIVA LONGAS: Muito romântico, Melissa Dullius e Gustavo Jahn – 72 min
15h30 | PROGRAMA CONVIDADO: Rabbit Hole: Disforias Digitais – 69 min
17h10 | ESPECIAL: Banco Imobiliário, Miguel Antunes Ramos – 61 min + debate
19h | Reprise COMPETITIVA LONGAS: Wild, Nicollette Krebitz – 97 min
21h | CLÁSSICOS: O Tambor, Volker Schlöndorff – 162 min

Domingo (6)
11h | Reprise CLÁSSICOS: Pinóquio, Walt Disney – 88 min
14h | Reprise CLÁSSICOS: Hair, Milos Forman – 121 min
16h15 | Reprise ESPECIAL SHAKESPEARE: Ricardo III, Richard Loncraine – 104 min
18h15 | ESPECIAL: O que Está Por Vir, Mia Hansen-Love – 102 min
20h15 | ESPECIAL SHAKESPEARE: Macbeth, Roman Polanski – 140 min

Informações: ASCOM

Nenhum comentário

Amannda Oliveira. Tecnologia do Blogger.