segunda-feira, 18 de abril de 2011

Lula quer Bolsa Família na África

O Bolsa Família vai chegar à África pelas mãos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele quer exportar o modelo de programas sociais do Brasil para países da África, continente que vai ser uma das ênfases de seu futuro instituto.

A "exportação" dos programas, segundo anunciou Lula durante sua viagem à Europa na semana passada, vai começar por países de língua portuguesa. A ênfase será em projetos de agricultura familiar de microcrédito e programas como o Bolsa Família.

Ainda não há nenhuma data prevista para a exportação dos projetos, que Lula disse querer adaptar à realidade dos países africanos.

"Tem que ser com muito cuidado, porque eu também não posso chegar lá com o pacote pronto e achar que pode ter resultado. A gente só abre a geladeira na casa dos outros depois que pedir para o dono. E se for educado não abre. Então não posso chegar com políticas prontas. Quero discutir com eles como nós fizemos para ver se há a possibilidade de fazermos nesses programas que deram certo no Brasil", disse.

Na semana passada, em Londres, o ex-presidente fechou parcerias com a presidente da Oxfam, Bárbara Stocking, para projetos na África.

"Ele [Lula] está muito interessado na África e para nós será ótimo usar sua experiência em projetos como o Bolsa Família", declarou Stocking à Folha após o encontro.

Em seus dois mandatos presidenciais, Lula visitou 29 países africanos. "Nós fizemos em oito anos o que não foi feito em um século na África."

"Nós fizemos em oito anos o que não foi feito em um século na África", disse o ex-presidente.



Fonte: Folha.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário