Foto: Sérgio Bernardo

O Teatro Luiz Mendonça, nas dependências do Parque Dona Lindu, será o palco da estreia das prévias Carnavalescas 2023 em grande estilo. A partir das 19h, terá início à primeira etapa da disputa de Rei e Rainha do ciclo momesco de 2023. No total, irão desfilar seus atributos 30 candidatas a rainha e 14 candidatos a rei. A programação é gratuita e será animada pela Orquestra Popular do Recife regida pelo intrépido maestro Ademir Araújo, mais conhecido pelo apelido de Formiga.

A finalíssima acontecerá no dia 27 de janeiro no Pátio de São Pedro, verdadeiro Quartel General de salvaguarda da cultura popular e carnavalesca. Em palco, os candidatos e candidatas são avaliadas pela sua apresentação, postura cênica e conhecimentos culturais. Os vencedores arrebatam uma premiação de R$ 28 mil cada e reinam absolutos pelo próximo ano, quando passam cetro, faixa e manto às próximas majestades.

Reinado mais longevo em linha reta da América Latina - Fato histórico inédito, Rei e Rainha do Carnaval 2020 do Recife exerceram a majestade por três anos. Em meio a agendas cheias e momentos mais difíceis, Marcone Santos e Ruanna Oliveira tiveram a responsabilidade de representar o maior reinado de festa popular da história. "Dá um apertozinho no coração porque a gente se apega ao título", confessa Marcone. "Mas só por saber que estamos livres de algo que fez tanta gente sofrer, que agora podemos voltar a abraçar as pessoas, numa festa que todo mundo estará junto, o povo todo na rua, dá uma felicidade imensa". As atuais majestades irão repassar o posto ao final da disputa, em 27 de janeiro.

"O meu maior medo, conforme o tempo passava, era ver distante a questão do concurso em si, da procura. Esse momento, que tantas amigas minhas almejam, crianças que crescem querendo, e eu estava vendo isso distante", afirma Ruanna. "Fiquei bem feliz quando soube que teria essa continuidade. Não queria que parasse por aqui. Tem pessoas que também querem esse título, não sou egoísta."

"Espero que quem receber a coroa tenha sentimento de humildade. O bem maior hoje é todo mundo ter passado por isso, pela covid-19, e estar vivo, então essa volta representa muito para mim. Depois disso tudo, a gente começa a dar muito valor a tudo", frisa Marcone.

Ansiosa pela festa, Ruanna conta os dias para sentir o calor das ruas novamente. "Esse é o carnaval do novo. Trabalho com bandas e grupos e a minha expectativa são as melhores possíveis. Espero que a nova rainha e rei abracem isso com todo o amor do mundo e que tratem tudo isso com muito zelo e cuidado. Estou muito feliz e ansiosa por esse retorno. Estou com sede de carnaval, quero viver tudo isso."

Confira as agendas de disputas momescas, todas embaladas por música ao vivo.

Concurso de Rei e Rainha do Carnaval

A competição elege a dupla que reinará absoluta durante a festa. As majestades do Carnaval do Recife serão selecionadas em três etapas, a partir do dia 18 de janeiro, para cumprir uma extensa agenda de compromissos durante toda a festa. O concurso terá duas etapas: nos dias 18 e 27 de janeiro, sendo a finalíssima do dia 27 no Pátio de São Pedro.

Concurso de Passistas

Celebrando o passo, o concurso premia todas as faixas etárias que capricham no frevo, contemplando as categorias Infantil, Mirim, Juvenil I, Juvenil II, Adulto e Passista de Rua, todas nas modalidades masculina e feminina. As disputas acontecerão nos dias 28 e 29 de janeiro, também no Pátio de São Pedro.

Concurso de Fantasias

Dedicado aos foliões mais adornados, o 8º Concurso de Fantasias do Recife escolherá três melhores fantasias na categoria Luxo e três na categoria Originalidade. O concurso será realizado no dia 8 de fevereiro, no Sport Club do Recife.

Concurso de Porta Estandarte, Flabelista, Mestre Sala e Porta Bandeira

Neste concurso, a diversidade do Carnaval recifense se revela. Os competidores disputam o título de Melhor Porta Estandartes de: Tribo de Índio, Caboclinho, Clube/Troça, Flabelista, Maracatu de Baque Virado, Maracatu de Baque Solto, Bois de Carnaval, Mestre Sala e Porta Bandeira, todos nas categorias adulto e infantil. O concurso será realizado nos dias 23 e 25 de janeiro, no Pátio de São Pedro.

Rei e Rainha da Pessoa Idosa

Os candidatos serão julgados em dois critérios: desenvoltura (postura, simpatia e elegância), e coreografia da dança do frevo (criatividade e empolgação). O 12º Concurso do Rei e da Rainha do Carnaval da pessoa idosa do Recife 2023 será realizado no dia 25 de janeiro, na Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), no bairro das Graças, às 14h.

Rei e Rainha da Pessoa com Deficiência

Um Carnaval inclusivo que volta a realizar o Concurso do Rei e da Rainha com Deficiência do Carnaval após um hiato de dois anos. A escolha do Rei e da Rainha com Deficiência será realizada em uma única etapa, no dia 27 de janeiro no Compaz Dom Hélder Câmara, às 14h.

Informações: PCR