terça-feira, 10 de agosto de 2021

Projeto da Vereadora Zirleide Monteiro homenageia Pastor Israel Guerra com nome de praça



A vereadora Zirleide Monteiro do PTB em Arcoverde, apresentou na sessão da Câmara de Vereadores na noite de ontem, um projeto de lei que homenageia o saudoso Pastor Israel Guerra , que faleceu em 2017, aos 90 anos. O projeto batiza a atual praça da Bíblia como “Praça da Bíblia Pastor Israel Dourado Guerra”. O projeto foi para as comissões e recebeu a subscrição dos demais vereadores.

“O pastor Israel Guerra em uma história que se confunde com a história de Arcoverde. Foram mais de 60 anos de vida religiosa, educacional e política dedicada à nossa cidade e que marcou momentos importantes da vida dos arcoverdenses. Fundou uma escola, por muitos anos referência, o 11 de setembro e no campo políticos fez raiz tendo um filho que foi deputado estadual (Israel Guerra) e outro prefeito desta cidade (Julião Guerra)”, ressaltou.

A parlamentar trabalhista lembrou que essa homenagem não só era justa para com o homenageado, mas também para a história política/administrativa de Arcoverde, pois “mesmo que possamos militar em campos opostos de outros grupos políticos, é preciso saber reconhecer o papel que cada um tem em nossa sociedade para que as futuras gerações aprendam as lições de nossa história”.

Nascido em 09 de julho de 1927 na Fazenda Carnaubinhas, localizada na Comarca de Paranaguá, no sul do Piauí, o pastor Israel Dourado Guerra assumiu o pastorado da Igreja Batista de Arcoverde, em 22 de outubro do mesmo ano. Casado com Edilazir Guerra, em 1954, teve 8 filhos: Elzir, Julião, Elzevir, Ediel, Edi, Lemuel, Israel e Samuel.

O pastor criou em Arcoverde (PE) o Instituto Batista de Arcoverde, que ficou sob a direção de sua esposa, professora Edilazir Guerra. Depois, em maio de 1959, criou a Sociedade Evangélica da Assistência Social, através da qual iniciou a campanha para a criação do Ginásio (e depois Colégio) Onze de Setembro, onde foi diretor e professor, promovendo sua inauguração formal em 11 de setembro de 1959.

Em meados da década de 60, ele e sua esposa foram denunciados como comunistas e detidos para interrogatório, pelas forças da Ditadura Militar instaurada em 1964. A partir daí, iniciou-se uma história de resistência e de luta do Pastor Israel e família contra a Ditadura Militar. Em 1976, ele fundou o diretório do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) em Arcoverde (PE), legenda pela qual disputou a prefeitura de Arcoverde por duas vezes.

Pastor Israel nunca foi eleito, mas lançou sementes de uma resistência respeitosa, muito firme, que, posteriormente, germinaria com a eleição de Israel Dourado Guerra Filho, para vereador em 1984, e a de Julião Julu Guerra Neto, para prefeito em 1988, derrotando as forças poderosas do coronelismo local na época.

Parabéns Zirleide!

Informações: A Folha das Cidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário