segunda-feira, 17 de agosto de 2020

Morre baterista Hugo Carranca, vítima de um tumor no cérebro



Gentil, atencioso e com sensibilidade artística. Assim, amigos, parentes e admiradores descreviam o baterista pernambucano Hugo Carranca. O músico, que integrava a banda do também pernambucano cantor Otto, faleceu aos 42 anos, na tarde desta segunda-feira (17), vítima de um tumor cerebral. Ele estava internado, em coma, na UTI do Hospital Imip, no bairro dos Coelhos, região central do Recife.

Carranca havia passado por uma cirurgia delicada no cérebro no último dia 16 de julho, no Hospital São Camilo, em São Paulo. Com a doença descoberta pouco antes da pandemia, o músico lutou durante meses pela vida. Recentemente, ele havia sido transferido numa UTI aérea cedida pelo Governo de Pernambuco para a unidade hospitalar da capital pernambucana. Tudo foi mobilizado pela campanha #RecuperaCarranca, que teve o objetivo de arrecadar fundos, estimados em R$ 180 mil, para cobrir os custos da cirurgia e tratamento complexos para a manter a vida dele. 

O músico, além de tocar com Otto, integrou projetos com nomes importantes da música pernambucana, como Naná Vasconcelos, Dona Cila do Coco, Erasto Vasconcelos, Bonsucesso Samba Clube e Sheik Tosado. Também trabalhou em conjunto com outros nomes da música brasileira, a exemplo de Anelis Assunção, Think off One, Júnior Barreto, Gero Camilo, Dizmaias, Reggae Express, Ganga Baarreto, Boa Hora, Los 5 e Márcia Castro.

No último dia 8 de agosto, a campanha #RecuperaCarranca ganhou gás com um festival. Alceu Valença, Otto, Zeca Baleiro, Chico César, Anelis Assumpção, Curumim, DiMelo, Flaira Ferro, China, Isaar, BNegão, Fernando Catatau (Cidadão Instigado), Alexandre Urêa, Catarina dee Jah, Gero Camilo, Buguinha Dub, Juliano Holanda, Fábio Trummer (Eddie) e Cannibal (Devotos), entre outros músicis, apresentaram-se para ajudar na vaquinha em prol da vida do baterista, em performances ao vivo e pré-gravadas no canal Show Livre.

Família

Em nota, a família a agradeceu a todos que torceram e colaboraram com a campanha. Confira a nota completa:

Todos os aplausos a Hugo Carranca

O grande baterista pernambucano, carismático e de sorriso largo, infelizmente nos deixou na tarde desta segunda-feira (17 de agosto), aos 42 anos, completados em abril.

Admirado por sua sensibilidade artística e amado pelo modo gentil e atencioso de lidar com as pessoas, Carranca baterista que acompanhou o cantor Otto e integrou bandas de nomes icônicos da cena pernambucana e brasileira, passou por uma grande batalha de saúde. Acometido por um tumor cerebral, lutava há meses pela recuperação. Nos últimos dias, estava internado no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), no Recife.

A delicada situação do baterista gerou uma tocante onda de solidariedade com título #RecuperaCarranca e que sensibilizou os corações de gente de vários lugares do país.

A família, amigas e amigos agradecem todas as contribuições e orações. Sabemos o quanto toda esta rede foi sincera e repleta de amor.

Em breve, mais detalhes do seu velório.

Carranca, gratidão por tudo!

Fonte: Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário