segunda-feira, 8 de junho de 2020

Prefeitura do Recife celebra São João 2020 com mais de 420 apresentações virtuais e volantes


A Prefeitura do Recife anunciou que o São João 2020 está garantido, mas o arrasta-pé no salão vai ter que dar lugar ao finca pé em casa.

Convidando os recifenses a festejar os santos juninos com muita música, resiliência e cuidados redobrados com a saúde, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura, Fundação de Cultura Cidade do Recife e Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer, abriu o edital de contratação para mais de 420 atrações.

Já que o público não pode ir ao encontro do forró, como manda o figurino junino, o forró encontrou um caminho para ir até o público, respeitando todos os protocolos de isolamento social. Nos dias 23, 24, 26, 27, 28 e 29, das 18h às 22h, duas Forroviocas circularão por diversos bairros da cidade, levando um total de 48 atrações para garantir o rala bucho dos recifenses, nem que seja no parapeito da janela. A cada noite, cada Forrovioca transportará quatro shows cidade afora.

"Nesse momento, precisamos renovar a esperança, aquecer o coração e ajudar quem mais precisa, garantindo renda para os artistas e levando alegria para a população. Todo mundo vai conseguir ver a festa de dentro de sua casa, da varanda, do quintal, sem aglomeração", afirmou Diego Rocha, presidente da Fundação de Cultura Cidade do Recife, destacando a participação das Freviocas, temporariamente rebatizadas de Forroviocas, para repetir o sucesso da ação realizada no último Dia das Mães, que levou músicos pernambucanos para circularem pela cidade, emocionando centenas de famílias pelo caminho.

A festa para Santo Antônio, São João e São Pedro será também virtual. Até o dia 29, serão compartilhadas mais de 378 apresentações pela internet. Destas, 370 serão gravadas pelos artistas de suas próprias casas para garantir a celebração junina no arraial de cada qual, permitindo que o público faça a festa em casa, no dia e na hora que escolher. Além disso, nos dias 23 e 29, que protagonizam o ciclo junino, haverá transmissão de oito shows de grandes artistas diretamente do Sítio Trindade, endereço cativo dos festejos de São João na cidade.

"Vai ter festa sim! Vamos viabilizar uma programação bem diferenciada, para valorizar a tradição e a cultura pernambucana, exclusivamente com recursos de patrocínio", destacou a secretária de Turismo, Esportes e Lazer do Recife, Ana Paula Vilaça.

A solidariedade, reforçou, deverá ser a maior atração da festa. Várias etapas da programação promoverão a arrecadação de recursos para assegurar novas oportunidades e melhores condições de vida a diferentes grupos sociais duramente atingidos pela pandemia.

Destacou ainda que empreendedores que trabalhariam na festa do Sítio Trindade já começaram a receber cestas básicas. Na última sexta-feira (5), a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo (STQE), entregou 97 cestas básicas, sendo 80 para a Associação de Empreendedores de Casa Amarela e 17 para o grupo Amigos do Sítio.

Durante as lives oficiais do São João do Recife, a população também poderá ajudar, a partir de QR codes que serão disponibilizados na tela. Os valores arrecadados serão direcionados a partir da plataforma Quero Impactar e também revertidos em cestas básicas para doações.

Toda a programação online montada pela Prefeitura terá como palco um hotsite que está sendo especialmente criado e embelezado para a festa. A página com cara de quermesse contará ainda com sugestões de brincadeiras para a criançada, receitas e diversos conteúdos referentes ao ciclo. Os recifenses também poderão acompanhar a programação e os conteúdos juninos pelo Portal do Turismo (visit.recife.br); além dos outros canais oficiais da Prefeitura do Recife (youtube, instagram e facebook).

SEM FOGOS - Ainda em função da pandemia, outras tradições juninas tiveram que ser revistas pelo poder público municipal, que viabilizará o ciclo mais nordestino do calendário brasileiro exclusivamente com recursos de patrocinadores, neste momento de esforços e recursos públicos concentrados no combate à pandemia e nos cuidados com as centenas de infectados pelo vírus. Para reforçar as estratégias de controle da doença respiratória, que pode se agravar rapidamente em alguns casos, foi proibida a venda de fogos de artifício e de fogueiras na cidade. Os comerciantes cadastrados pela Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano do Recife (Semoc) receberão apoio e cestas básicas da Prefeitura do Recife, que convida a população a celebrar o São João 2020 com muita empatia e sem fumaça.

CREDENCIAMENTO ARTÍSTICO - Para viabilizar as contratações, as atrações que protagonizarão o São João da resistência terão que ser selecionadas entre os habilitados artisticamente e juridicamente para o ciclo junino do ano passado. Cada atração poderá fazer somente uma apresentação ao longo da festa, para garantir que os recursos beneficiem o maior número possível de profissionais, numa das cadeias produtivas mais abaladas pela pandemia. 
Os cachês irão variar entre R$ 2,4 mil e R$ 10 mil.

O Edital de Credenciamento para o São João 2020 ficará aberto até 15 de junho, informando os valores dos cachês oferecidos e outros detalhes sobre o atípico ciclo junino deste ano. Artistas e produtores inscritos e habilitados no ano passado devem confirmar interesse em participar da programação pelo site www.culturarecife.com.br.

LIVES DE CONVERSA COM QUADRILHEIROS - De todas as aglomerações e tradições inviabilizadas pela pandemia, as quadrilhas juninas serão uma das ausências mais sentidas. Impedidos pelo coronavírus de desfilar suas histórias, coreografias, figurinos e força pela cidade, os quadrilheiros estão sendo convidados pela Prefeitura do Recife a se dedicar pelo menos à teoria de uma das mais bonitas e emocionantes manifestações do ciclo junino.

A Secretaria de Cultura e a Fundação de Cultura Cidade do Recife promoverão, nos próximos dias 16, 17 e 18 de junho, uma série de lives, em articulação com entidades que representam o movimento quadrilheiro na cidade, como a Liquajur e a Fequajupe, para discutir os seguintes temas: A Organização do Movimento Quadrilheiro, e os impactos Sociais e Econômicos das Quadrilhas Juninas nas comunidades; As Origens, as Devoções e as Festas; Os Concursos, as Transformações e a Quadrilha do Futuro.

MISSA E PROCISSÃO DOS SANTOS JUNINOS - Representando toda a sacralidade e liturgia junina, o Santuário do Morro da Conceição receberá uma versão reduzida e com transmissão virtual da Procissão dos Santos Juninos, no próximo dia 23 de junho. Respeitando a determinação do Governo de Pernambuco, que restringe a 10 pessoas a aglomeração máxima permitida em tempos de combate ao coronavírus, representantes de algumas bandeiras juninas serão convocados para subir ao altar do Santuário durante uma missa dedicada aos santos juninos e a toda a população recifense, em batalha para vencer a pandemia. Após a missa, as bandeiras serão conduzidas pela Forrovioca até o Sítio Trindade, num cortejo sem público, mas na companhia ilustre do forró.

HOMENAGEADOS

JOSILDO SÁ

Nascido em Floresta e criado em Tacaratu, no alto do São Francico, Josildo Sá iniciou a carreira nos anos 1990, comungando água e sede em sua música. De lá para cá, o cantor e compositor, que tem 8 CDs e 2 DVDs lançados, sagrou-se um dos principais nomes do autêntico forró nordestino contemporâneo. Tem raízes profundas no baião, no xote e no coco, heranças de seu pai Agostinho do Acordeon, e antenas fincadas no mangue da capital, reconhecendo em Chico Science e Nação Zumbi grande influência para sua sonoridade, considerado-se um forrozeiro mangueboy.

Entre os grandes feitos que coleciona, Josildo se orgulha de estar cantando há 16 anos as Rezas de Sol para a cinquentenária Missa do Vaqueiro de Serrita, canções de composição do Mestre Janduhy Finizola. Também rodou por várias partes do país, sendo indicado duas vezes como melhor cantor regional do Brasil no Prêmio da Música Brasileira com seu Samba de Latada. E não costuma andar só. Já teve como parceiros o Maestro Paulo Moura, Zé Brown, João Donato e Leo Gandelman, além de José Milton e dos maestros Formiga e Edson Rodrigues, que guiaram suas incursões pelos acordes seculares do frevo, quando venceu dois prêmios do concurso do Galo da madrugada e lançou o disco "Tem Frevo na Latada". Sinônimo de alegria e arrastador de pé de primeira qualidade, Josildo espera trazer de Tacaratu para Recife toda a força da cultura sertaneja e as bênçãos de Nossa Senhora da Saúde.

SILVÉRIO PESSOA

Filho de Carpina, Zona da Mata Norte de Pernambuco, e da professora de acordeon Dona Ivete, Silvério Pessoa cresceu no colo da música. Mas foi somente depois de graduar-se e especializar-se professor, que decidiu fazer dela seu ofício e sua história, devotando-se aos palcos e ao legado cultural de seu povo.

Sua carreira profissional teve início com o grupo Cascabulho, banda que formou em 1994. Com ela, fez turnês pelo Canadá, Estados Unidos e Berlim, participou de vários festivais e ganhou, como compositor, o Prêmio Sharp de Música em 1999, categoria Regional, pelo CD Fome dá dor de Cabeça, que revisitava a obra do paraibano Jackson do Pandeiro. Pouco depois, a carreira solo do cantor começou com um disco inspirado na obra de Jacinto Silva, com o titulo Bate o Mancá – O Povo dos Canaviais, que ganhou reconhecimento até internacional. Com oito discos lançados, um DVD, participações em importantes eventos de música e 12 anos de turnês internacionais, Silvério atualmente se divide entre os palcos e as salas de aula, na verdade entre as livre musicais e as pedagógicas. Nascido e criado no meio do povo, ele é aula e recreio, repente e música eletrônica, forró e punk, um colecionador atento de histórias, modos e sonoridades das gentes de casa e do mundo inteiro.

EU AMO MINHA JANELA - Valorizando as tradições juninas, a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Recife vai realizar o projeto Eu Amo Minha Janela, uma alusão ao Eu Amo Minha Rua. Como este ano as festas acontecerão dentro de casa, a população será convidada a enfeitar suas moradias. Desta vez, a iniciativa não será um concurso, mas vai contemplar as ruas vencedoras dos anos de 2013 a 2019, com entrega de bandeirinhas para que os moradores possam enfeitar as suas respectivas casas. A ação é em parceria com a Ambev.

QUERMESSE EM CASA - Você sabe montar uma fogueirinha com papel celofane para decorar a sua casa? E montar um espaço para pescar brinquedos? Tudo isso será ensinado a partir de um influenciador digital - que trabalhe com conteúdo direcionado ao público infantil. A ideia é propor brincadeiras para a criançada e toda a família, mantendo a temática junina.

E-CORREIO ELEGANTE - A partir das redes sociais da Prefeitura do Recife, serão veiculados cards para uso nas redes sociais, promovendo brincadeiras e interações virtuais. A ideia é a troca divertida de mensagens, todas no clima do São João.

COMIDAS JUNINAS - É inevitável falar de São João e ignorar a sua culinária típica. Milho cozido, milho assado, pamonha, canjica, bolo de milho, mungunzá… A lista é imensa. E é por isso que a Prefeitura do Recife vai disponibilizar vídeos ensinando o passo a passo de algumas receitas, ajudando o recifense a montar a sua mesa junina em casa.

MESA FARTA - Quem não souber - ou não quiser - se aventurar na cozinha para desenvolver as comidas deliciosas desta época não precisa se desesperar. Tanto no hotsite quanto no Portal do Turismo haverá um espaço dedicado à divulgação de pessoas que produzem e vendem os melhores quitutes juninos.

SÃO JOÃO DO RECIFE 2020

Credenciamento artístico - 8 a 15 de junho

Lives/rodas de conversa com quadrilheiros - 16, 17 e 18 de junho

Missa transmitida pela internet e Procissão sem público dos Santos Juninos - 23 de junho, no Morro da Conceição

Forró volante - Duas Forroviocas levarão 48 atrações para percorrer todas as regiões da cidade, nos próximos dias 23, 24, 26, 27, 28 e 29, das 18h às 22h

Forró online - Nos dias 23 e 29, serão transmitidos oito shows do estúdio montado no Sítio Trindade. Outras 370 apresentações gravadas pelos artistas serão disponibilizadas nos canais digitais da Prefeitura do Recife.

PCR

Nenhum comentário:

Postar um comentário