sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Entidades se reúnem em Arcoverde para solicitar permanência do delegado na cidade

Foto: Amannda Oliveira

Após uma manhã de protesto pelas ruas de Arcoverde devido a transferência do delegado de polícia Israel Rubis, lotado na 19ª Delegacia Seccional de Arcoverde, o auditório da Associação Comercial de Arcoverde - ACA, recebeu, no final da tarde desta quinta-feira, 26 de setembro, uma reunião que mobilizou empresários e entidades Câmara de Dirigentes Logistas (CDL), Associação Comercial de Arcoverde (ACA), Sesc, Conselho da Criança e e do Adolescente (Condica), Lions Clube, Rotary Clube, OAB Arcoverde, Bombeiros, representantes do Conselho de Segurança da cidade, Maçonaria e COPIMA Associação Comunitária, além da sociedade civil. 

Durante a reunião os representantes fizeram as suas colocações, reafirmando o seu repúdio pela transferência do delegado, e acordaram que uma carta com a assinatura de todas as entidades será enviada ao Secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua, na próxima segunda-feira pedindo que seja revogado o afastamento do delegado Israel da cidade de Arcoverde.

As entidades afirmaram que já haviam enviado ofícios ao governo do estado para evitar que essa situação acontecesse , mais que não tiveram retorno algum.  Para "Nós ouvíamos relatos públicos de que algumas pessoas não estavam muito satisfeitas com a atuação de Dr. Israel. Fomos agora a tarde na delegacia para fazer uma visita pessoal  a Dr.Israel para levar o nosso apoio e a nossa indignação coletiva. A gente precisa levar isso aos meios de comunicação, a gente precisa fazer com que as autoridades comecem a entender que não agiram da forma correta. Arcoverde hoje está representada pelos empresários da cidades, pelas entidades classistas, Rotary, Lions, Maçonaria, CDL, OAB, agentes de segurança pública, ou seja , diversos seguimentos que estão aqui. Será que nós não temos representatividade de conseguir mostrar ao governador do estado e ao poder executivo que a decisão tomada vai desfavorecer Arcoverde e uma região inteira"; destacou Paulo Sérgio L. Santos, representante da Loja Maçônica Barão do Rio Branco.

                                                                 Foto: Amannda Oliveira

O ex-vereador e advogado Luciano Pacheco, destacou o trabalho do delegado Marcos que vem atuando junto a Israel no combate ao crime organizado na cidade. O advogado entre outras coisas, o delegado investigava irregularidades na câmara, quando funcionários se inscreveram em um seminário, receberam as diárias de viagem e não apareceram no evento em Alagoas na praia. 

Ao final da reunião, o grupo foi até a prefeitura municipal e entregou a prefeita Madalena Britto (PSB), a nota de repúdio assinada por todas as entidades e representantes da sociedade civil e comércio, e solicitaram do poder executivo apoio junto ao governo do estado para reverter a decisão tomada pelo estado.

A noite, na Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde, aconteceu uma sessão da Câmara comemorativa ao aniversário de 50 anos da instituição de ensino. Na plenária, dezenas de manifestantes se aglomeraram para protestar sobre a saída do delegado Israel para a cidade de VItória de Santo Antão. O clima esquentou no auditório e a polícia foi chamada ao local. 

Após a sessão, a Presidente da Câmara , Célia Galindo precisou ser escoltada para fora do recinto devido a presença e a pressão dos manifestantes. 
Nesta sexta-feira, 27 de setembro, haverá uma nova manifestação em frente a câmara. O protesto começa por volta das 9h.

O jornalista Magno Martins disse no Programa Frente a Frente desta quinta-feira, que tentou obter um posicionamento do governo do estado a cerca do assunto mais não obteve resposta. Resposta essa que interessa a toda a população. Até o momento desta postagem no dia 27 de setembro , as 01h24 min, 5.515 pessoas haviam assinado a petição na internet pedindo a permanência do delegado na cidade.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário