terça-feira, 3 de setembro de 2019

Em Alagoinha, prefeitura assina Projeto do Cadastro Ambiental Rural Quilombola

A iniciativa é do prefeito Uilas Leal e da Federação das comunidades Quilombolas e populações tradicionais de Pernambuco


Em uma ação pioneira no estado, a prefeitura de Alagoinha, através do prefeito Uilas Leal e as três comunidades quilombolas da cidade assinaram o Projeto CAR - Cadastro Ambiental Rural Quilombola, consolidada através articulação feita entre a Federação das Comunidades Quilombolas e Populações Tradicionais de Pernambuco. O projeto vai beneficiar cerca de 1000 famílias das três comunidades quilombolas, campo do Magé, Lage do carrapicho e Alverne.



A ação visa o fortalecimento da identidade das comunidades e reconhecimento do seu território através do cadastro dando as famílias acesso a politicas públicas para as famílias quilombolas através de um contrato firmado entre a Prefeitura e a Federação. A prefeitura de Alagoinha protagoniza um momento histórico no estado apoiando um povo quilombola num projeto de desenvolvimento que traduz o compromisso firmado pela gestão municipal e as comunidades onde a partir do CAR os territórios quilombolas passam a ser mapeados numericamente com o retrato das famílias, auxiliando no planejamento socioeconômico e ambiental de seus territórios com o apoio da gestão Municipal.


Através do Banco do Nordeste. O Agroamigo vai trabalhar, práticas de exploração sustentável dos recursos naturais, bem como a produção orgânica e de base agroecológica. Promovendo eventos de sensibilização e capacitação para a inserção dos agricultores familiares ao  mercado.


Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário