segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Governo Federal define novas medidas de segurança e fiscalização em barragens

                                                                           Foto: Isac Nóbrega/PR

Criado por decisão do presidente da República, Jair Bolsonaro, o Conselho Ministerial de Supervisão de Respostas a Desastres definiu, nesta segunda-feira (28), novas medidas para fiscalizar barragens no Brasil e aumentar a segurança dos empreendimentos. Segundo a Casa Civil, as decisões serão publicadas no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (29).

Na reunião, ministros e representantes de 15 pastas diferentes do governo decidiram recomendar aos órgãos de fiscalização um exame completo das estruturas existentes em nos estados, em especial àquelas que "possuem dano potencial associado alto à vida humana". Em nota, a Casa Civil informou também que foi criado um grupo de trabalho para atualizar a Lei 12.334/2010, que estabeleceu a Política Nacional de Segurança de Barragens. 
Plano

Outra decisão tomada pelo conselho foi determinar a necessidade de atualização dos planos de segurança de barragens. Os órgãos de fiscalização ficarão responsáveis por cobrar das empresas a apresentação das melhorias. Também será avaliada a possibilidade de remoção de instalações de "suporte aos empreendimentos, com vistas a resguardar a integridade dos trabalhadores e eventuais visitantes".

Informações: Casa Civil

Nenhum comentário:

Postar um comentário