Blog Falando Francamente com Amannda Oliveira - Arcoverde se vê por aqui , Governo de Pernambuco lança XIII Concurso do Registro do Patrimônio Vivo , Cultura ,

Governo de Pernambuco lança XIII Concurso do Registro do Patrimônio Vivo

março 27, 2018 Amannda Oliveira - Falando Francamente 0 Comments


O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação do Patrimônio Histórico de Artístico de Pernambuco (Fundarpe), lança nesta segunda-feira (26), XIII Concurso Público do Registro do Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco – RPV-PE. O presente concurso elegerá mais seis novos Patrimônios Vivos do Estado de Pernambuco para o ano de 2018. As inscrições poderão ser realizadas pelos correios ou presencialmente, até o dia 11 de maio de 2018, da Fundarpe (Rua da Aurora, 463/469, Boa Vista, Recife-PE, 50050-000).
Confira AQUI o regulamento do edital e seus anexos.
O programa do RPV-PE tem por finalidade o apoio financeiro e a preservação dos processos de criação e divulgação de técnicas, modos de fazer e saberes das culturas tradicional ou popular pernambucanas mediante atividades, ações e projetos desenvolvidos por pessoas físicas ou jurídicas de natureza cultural, sem fins lucrativos, residentes ou domiciliados e com atuação no Estado há mais de 20 (vinte) anos, contados da data do pedido de inscrição.
Os candidatos que forem aprovados receberão diploma do Governo Estadual com a outorga do título de “Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco”, de acordo com o § 6º do artigo 8º da Lei nº 12.196/2002, e recebem bolsa vitalícia no valor de R$ 1.600 (um mil e seiscentos) para pessoa física e R$ 3.200 (três mil de duzentos) para pessoa jurídica. Além da titulação e da bolsa, os agraciados com o título de Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco tem prioridade na análise de projetos por eles apresentados ao Sistema de Incentivo à Cultura do Estado de Pernambuco.
A divulgação dos vencedores está prevista para acontecer em 17 de Agosto, quando se comemora o Dia do Patrimônio e a Fundarpe realiza uma semana de diversas ações que discutem o patrimônio cultural de Pernambuco. Em 2017, nesta data, foram anunciados os seis novos patrimônios culturais de Pernambuco: Maria dos Prazeres (parteira tradicional/Jaboatão dos Guararapes); Mestre Chocho (música, choro/Jaboatão dos Guararapes); André Madureira (dança, música, teatro/Recife); José Pimentel (artes cênicas/Recife); Reisado Inhanhum (reisado/Santa Maria da Boa Vista); e Sociedade dos Bacamarteiros do Cabo (bacamarte, cultura popular/Cabo de Santo Agostinho).
Fundarpe 

0 comentários: