quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Recife Enxerido: Um livro, um sonho e uma prova de que a cidade pode ser bem melhor

 Foto:Divulgação

O arquiteto e urbanista César Barros, sonhando com um Recife onde o clima seja mais fresco, o trânsito menos caótico, os espaços sejam mais verdes e uma cidade que possua mais espaços de visitação turística cultural, escreveu um livro que merece ser lido e sonhado " Recife Enxerido". Segundo o livro, é possível que o Rio Capibaribe seja limpo e navegável. É possível que as ruas e avenidas sejam melhor ocupadas e bem divididas entre carros, ônibus, motos, ciclistas e pedestres.

Foi justamente para dizer como tudo isso (e muito mais) pode ser feito na prática para tornar a capital pernambucana uma cidade melhor, que o arquiteto e urbanista César Barros escreveu o livro digital “Recife Enxerido”.
A publicação pode ser lida na internet e traz 272 páginas com os planos e sonhos do arquiteto para a cidade. As ideias trazem sugestões de como melhorar a vida do Recife em aspectos que vão desde plantar mais árvores para diminuir o calor, passam por um redesenho de vias movimentadas da cidade e chegam até como valorizar o patrimônio histórico presente na arquitetura recifense.
Nos planos de César Barros a Avenida Conde da Boa Vista, por exemplo, viraria um corredor arborizado, com calçadas elevadas, veículo leve sobre trilhos e ciclovias. 
O livro é dividido em 10 tópicos que versam principalmente sobre as maneiras de devolver a cidade a quem vive nela. 
Seria muito bom que o prefeito Geraldo Júlio lesse e tivesse o interesse de colocar algumas destas páginas em prática.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário