quarta-feira, 23 de julho de 2014

Há um ano a sanfona chorava e o Nordeste ficava perdia um de seus gênios. Um ano sem Dominguinhos

Foto: Divulgação


Há um ano, a música brasileira perdia um de seus maiores nomes. Os palcos ficaram vazios e a sanfona chorou. Morria José Domingos de Morais, o Dominguinhos, garanhuense  que ganhou o mundo com sua música e que cantava a vida do nordestino como poucos. O músico generoso que ajudou a descobrir grandes nomes do nosso forró e que ficou imortalizado nas suas canções. Para celebrar a memória do mestre, será realizada uma missa especial, nesta quarta-feira (23), às 19h, na Basílica do Carmo.

A saudade vai sempre existir seu Domingos.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário