domingo, 9 de março de 2014

Em Arcoverde, população reclama das muriçocas



Quem mora em Arcoverde tem tido dificuldade para conviver com uma praga que invadiu a cidade e que está tirando o sono dos arcoverdenses literalmente. São as muriçocas que atacam 24h por dia e que não morrem mais com o uso do veneno. Os comentários a respeito do assunto ganharam as redes sociais, as ruas, os supermercados que não estão dando conta com a venda de inseticidas e repelentes. 

As pessoas não  dormem direito, e estão com feridas nas pernas de tantas picadas.

Mas o que pode estar provocando esse aumento brusco de pernilognos na cidade? Falta de chuva frequente, lixo acumulado em algumas áreas, desequilíbrio ecológico e acredito que o fato de estarmos acumulando água em casa devido ao racionamento o que geraria também um risco de epidemia de dengue.

Nas redes sociais as pessoas reclamam e pedem do poder público alguma atitude como passar o " Carro Fumacê" criado inicialmente para atacar mosquito da dengue , mas que mata muriçocas também.

O vereador Luciano Pacheco, afirmou que vai realizar esta solicitação na sessão de segunda-feira na câmara. Vamos torcer para que seja atendida pelos órgãos competentes.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário