quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Cultura Pernambucana de Luto, morre o Maestro José Menezes

Foto: Andrea Rêgo Barros/PCR


A cultura pernambucana está mais uma vez de luto. Morreu na madrugada desta quarta-feira (13), Hospital Memorial São José, no Recife, o instrumentista, arranjador, compositor e maestro pernambucano José Menezes .

José Menezes, tinha 90 anos , sofria de câncer e teve falência múltipla de órgãos. O enterro aconteceu no Cemitério Parque das Flores, às 16h, onde o maestro recebeu homenagens de amigos como o maestro Spok. 

Autor de sucessos de frevos, tais como Frevo a Óleo (1950), Boneca (1953), Terceiro Dia (1960) e Bico Doce (1996), Menezes foi um músico da primeira geração do frevo. Trabalhou com Aldemar Paiva, Levino Ferreira, Capiba e também foi parceiro de Nelson Ferreira, com quem começou o projeto Voo do Frevo.

O maestro foi o terceiro compositor mais gravado de Pernambuco, ficando atrás apenas de Capiba e Nelson Ferreira.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário