segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Família do acusado de matar promotor usa imagens de câmaras para defender sua inocência

A família do suspeito de matar o promotor Thiago Faria Soares, há uma semana na PE 300, Edmacy Ubirajara,  alega que ele não estava próximo ao local no momento do crime. Os parentes do homem, que está detido no Cotel, em Abreu e Lima, divulgaram, imagens das câmeras de segurança dos comerciantes da cidade de Águas Belas. Segundo a família, os verdadeiros assassinos, estariam em um carro semelhante e sem placa que passou pela Rua Tiradentes às 8h33 da manhã.
Os vídeos foram recolhidos pela polícia que deve periciá-los para averiguar as informações.
Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário