quinta-feira, 14 de março de 2013

Eduardo e Graça Forster formalizam entendimento para maior investimento ambiental da história de Pernambuco


O governador Eduardo Campos e a presidente da Petrobras, Graça Foster, assinaram nesta quinta-feira (14/03), no Rio de Janeiro, termo de compromisso de compensação ambiental para repasse de recursos, por parte da estatal, para que o Estado invista em preservação ambiental. Pernambuco receberá R$ 137 milhões como compensação por impactos ambientais, recursos que serão aplicados na implantação, recuperação e consolidação de unidades de conservação. A reserva de mata atlântica de Bita e Utinga, com 2,4 mil hectares, criada em 2012, será uma das unidades contempladas.

"Fico emocionada ao participar de uma solenidade como esta, que simboliza a consolidação de projetos muito importantes para a Petrobras, como são a refinaria, os estaleiros e a petroquímica Suape", disse Graça Foster. "É um passo importante que estamos dando para demonstrar que desenvolvimento econômico só pode ser real se contemplar a preservação do meio ambiente", destacou o governador.
Pelo lado da Petrobras, também estiveram presentes o presidente da Refinaria Abreu e Lima, Marcelino Guedes, e o diretor de abastecimento, José Carlos Consenza. Já o secretário de Meio Ambiente, Sérgio Xavier, o presidente em exercício de Suape, Caio Ramos, e o presidente da Compesa, Roberto Tavares, representaram o Governo do Estado.

Informações: ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário