quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Garanhuns Jazz Festival é notícia no Brasil

Ao chegar a sua sexta edição, este ano, o Garanhuns Jazz Festival aparece como um evento consolidado. A expectativa dos organizadores é a melhor possível e milhares de pessoas devem estar na cidade, a partir desta semana, para acompanhar as apresentações anunciadas para a Esplanada Cultural Guadalajara e Parque Ruber van der Linden. O evento, apesar do carnaval em outras cidades, ocupa um espaço impressionante nos principais jornais de algumas capitais do Nordeste, como João Pessoa, Maceió e Recife. Também é notícia em sites, blogs, emissoras de rádio e TV, espalhados pelo Nordeste e outras regiões do Brasil.
O Diário de Pernambuco, a Folha e o Jornal do Commercio já dedicaram várias reportagens ao Festival de Jazz. Em matérias de páginas inteira destacaram a programação completa e publicaram resenhas a respeito de algumas estrelas da festa local. Como o colunista João Alberto (DP) que recentemente escreveu sobre a presença da cantora Nathalie Alvim em Garanhuns. Ou Marcelo Pereira, do JC, que estampou em manchete na coluna Rec beat: “Kiko Loureiro se muda para Garanhuns”.
Nos estados vizinhos, as apresentações de jazz e blues em Garanhuns, no período do carnaval, têm sido noticiadas com freqüência. Num dos artigos publicados na Gazeta de Maceió, o jornal recomenda o
“Garanhuns Jazz Festival” como uma boa opção para quem deseja fugir da atmosfera carnavalesca. E destaca os principais nomes que estão na programação do evento, com bandas ou cantores do Rio de Janeiro, São Paulo e dos Estados Unidos.
O Jornal da Paraíba, de João Pessoa, publicou uma reportagem de página inteira classificando as apresentações jazzísticas na Suíça Pernambucana como o “Mardi Grass do Agreste” (sic). A expressão,
certamente, é uma referência a um carnaval que é realizado em Nova Orleans, nos Estados Unidos, terra em que o blues e o jazz tem uma força muito forte.
A TV Asa Branca de Caruaru e a TV Jornal, da mesma cidade, já fizeram algumas reportagens sobre o que está acontecendo em Garanhuns por esses dias, em termos musicais. Nos blogs e sites, então, o Festival de
Jazz ocupa espaços ainda mais generosos. E aí rompe fronteiras, tendo chegado a sítios da internet de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.
O site Whiplash Net, um dos que tratou sobre o Garanhuns Jazz Festival, até confundiu as coisas. Citou a presença do artista Kiko Loureiro em Pernambuco, neste mês de fevereiro, mas publicou que o
evento acontece “anualmente durante o carnaval de Recife".
A maioria dos sites e blogs, no entanto, precisam bem as coisas, como a Gazeta de Maceió, que até encurta as distâncias, informando que Garanhuns fica a apenas 160 km de capital alagoana. Essa badalação
toda certamente deixa satisfeitos os garanhuenses, principalmente o prefeito Izaías Régis, que está dando todo apoio à festa e é procurado desde janeiro pelos veículos de comunicação para falar a respeito do Festival. Ao Jornal do Commercio, o gestor antecipou o mês passado que “o Garanhuns Jazz Festival em 2013 está sendo ampliado, apesar do orçamento não ter aumentado”.
Não há dúvida de que Garanhuns encontrou mesmo uma boa alternativa para o carnaval.

Infomações: SECOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário