segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Programa Irrigação para Todos se Expande para a Região do Submédio do São Francisco

O governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (Sara), está realizando um estudo para implantação de um sistema de irrigação comunitária, na Ilha do Massangano, no meio do Rio São Francisco, em Petrolina, onde habitam cerca de 120 famílias de agricultores familiares.

FOTO: Tatiana Seabra
A Ilha do Massangano tem seis quilômetros de extensão e é bastante conhecida pela sua forte vocação na área de hortifrutigranjeiro e por possuir uma das mais antigas e originais manifestações da cultura ribeirinha: o Samba de Véio.

Em reunião realizada, sexta-feira (17/08), na ilha, o secretário de agricultura, Ranilson Ramos, juntamente com os técnicos da Sara e do IPA, discutiu com a comunidade e as suas lideranças, as necessidades emergencias e estruturadoras daquela localidade.

Dentre as prioridades que foram elencadas, o secretário ressaltou a implantação de um sistema de irrigação comunitária, em substituição ao atualmente utilizado e considerado ultrapassado. O projeto compreende a titularidade de terra, irrigação com tecnologia moderna – por gotejamento e microaspersão – e assistência técnica, por meio do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). “Assim, diminuiremos custos com energia elétrica e asseguramos a proteção do solo com sustentabilidade ambiental”, afirmou Ranilson.

“A gente se sente muito isolado, nunca recebemos uma visita como essa para escutar os nossos problemas. Agora, a esperança se renova”, comemorou a presidenta da Associação dos Moradores, Bertolina de Oliveira, 63 anos. O morador João Neto fez questão de interrogar. “Como é que nós moramos no meio do rio e trabalhamos com um dos mais ultrapassados sistemas de irrigação (por inundação), passando quase um dia inteiro para molhar a terra?”.

Além de o secretário autorizar a viabilidade dessa ação estruturadora para Ilha do Massangano, ele se comprometeu em empenhar esforços para a construção de um porto de carga, de embarque e desembarque da população, o que ainda permitirá a melhoria no sistema de escoamento da produção. Esta é uma das mais antigas reivindicações dos moradores.

Atendendo imediatamente à comunidade, Ranilson Ramos encaminhou, para esta semana, serviços de terraplanagem para a recuperação das estradas vicinais. Técnicos também foram destacados para elaborar um projeto de tratamento de água para consumo humano e para a construção de uma fabrica de processamento de doces e polpa, considerando o fortalecimento da cadeia produtiva da fruticultura, na ilha.

Informações: Núcleo de Comunicação do IPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário