sábado, 21 de julho de 2012

Sobg forte chuva, público canta junto com Jeneci, Lenine e Milton Nascimento na penúltima noite do Festival de Inverno de Garanhuns

A penúltima noite do Festival de Inverno de Garanhuns foi marcada pela forte chuva e pelo encanto e canto do público que acompanhou todas as músicas das atrações que desfilaram pelo palco da Guadalajara.
Quem abriu a noite foi a banda Luz Time que trouxe para o palco músicas dos anos 80 como "Coisas de Casal" e " Hotel California", fazendo com que muita gente como dona Antônia de Caruaru relembrasse dos bons tempos. " Essas músicas são de um tempo muito bom da minha vida, daquele que agente tem prazer de relembrar".

Ovacionado pelo público, Marcelo Jeneci foi a segunda atração da noite e foi acompanhado por um grande coro durante todo o show.O paulista que tem mãe e mulher pernambucanas se disse íntimo do estado por ter pais e avós em Sairé onde gravou o clipe da música "Felicidade" e disse que "Quanto mais eu vou para longe, mais eu tento resgatar o que eu tenho aqui". Acompanhado de Laura em quase todos os vocais, Jeneci desfilou no palco músicas como "Copo d`água", "Café com leite de rosas", "Borboleta", "Darte-ei", "Show de estrelas", "Pense duas vezes antes de esquecer" e "Feito pra Acabar" música que leva o do seu trabalho de estréia. 

Lenine apresentou na Guadalajara o seu mais novo trabalho intitulado "Chão". Ao lado dos músicos Bruno Jorge e Júnior Tostoi, o cantor apresentou músicas bem conhecidas do público como "A rede", "A ponte", "Jack soul brasileiro" , "Leão do Norte", " Paciência" e  encerrou a noite cantando " Hoje eu quero sair só", sempre acompanhado em coro pelo público. 


Milton Nascimento subiu ao palco num sobertudo preto e violão na mão e desfilou sucessos conhecidos do público como " Caçador de mim", " Encontros e despedidas", a instrumetal " Linda" feita em homenagem a mãe, " O sol", " Coração de estudante" , " Nos bares da vida" , " Travessia" , " Canção da América" e após o pedido de um público de mais um do 40 mil pessoas  que cantou todas as músicas do repertório do cantor veio " Maria maria'.


Encerrando a noite , Antúlio Madureira trouxe um show recheado de vertentes da música brasileira com releituras de composições próprias e de outros compositores. Passando pelo coco, frevo , forró e tirando de objetos como tube de nanuíte e lata além da cabala criada por ele os mais belos e diversificados sons. 
Foi impossível ficar parado.

Hoje, último dia do 22.º Festival de Inverno de Garanhuns a programação começa com a garanhuense André Amorim às 21h, em seguida , sobem ao palco Edgard Scandurra, Jorge Ben-Jor, Lulu Santos e N´Zambi, Buguinha Dub e Convidados.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário