domingo, 27 de maio de 2012

GARANHUNS - Construindo um OLHAR para o desenvolvimento através da inclusão.


A Prefeitura Municipal de Garanhuns vem a cada instante demonstrando e implantando ações que de forma holística tenta atender a todos os segmentos que intrinsecamente estão dentro do contexto da filosofia do desenvolvimento.

Existe por parte da prefeitura, de maneira suave, mas cadenciada, a formação de uma teia de sustentabilidade e a sua Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) vem cumprindo as orientações do senhor prefeito Sr. Luiz Carlos de Oliveira, que é a de levar a todos os segmentos a oportunidade de se aglutinar e em sintonia iniciarem a formação dessa teia de sustentabilidade.

Essa constante inquietação de a cada instante articular, planejar e olhar para que a médio e a longo prazo suas ações fortaleçam a sustentabilidade para esse desenvolvimento, levam a SDE a seguir os princípios de ir à busca de parcerias que se mobilizem e se motivem na elaboração de ações conjuntas que promovam melhorias para os negócios, a sociedade e o meio ambiente.

Vivemos na sociedade da informação. Um dos fatores críticos para o sucesso nesta sociedade é o acesso e utilização das tecnologias de informação e comunicação. Estas tecnologias devem, portanto estar disponíveis ao maior número possível de cidadãos evitando-se assim a exclusão social. Neste contexto a Internet tem um papel crucial a desempenhar. Ela tem o potencial de “quebrar” barreiras físicas e espaciais, servindo de suporte a um grande número de atividades possíveis de serem realizadas por portadores de deficiência.

A busca de fomentar o desenvolvimento sustentável, com a criação de uma rede (teia) de parcerias comerciais, culturais, educacionais, enfim como todos os segmentos que possam dar a sua contribuição, através de seu comprometimento com esse desenvolvimento sustentável. A SDE dentro dessa filosofia firmou parceria com a Universidade de Pernambuco através do Prof. Dr. Pedro Falcão e a ADVAMPE, na pessoa do seu presidente Sr. Juca Viana, que estão levando ao segmento de deficientes visuais a oportunidade da inclusão nessa teia de desenvolvimento.

A partir da próxima Segunda-feira, terá inicio no telecentro situado a rua Júlia Brasileiro Vila Nova, s/nº, no bairro Boa Vista, o projeto social realizado pelos alunos que formam a empresa júnior TEC JR/UPE. Com o tema Educação Inclusiva e Tecnologias Assistivas no processo ensino-aprendizado para deficientes visuais.

Copiando o escritor português José Saramago, que abre seu romance "Ensaio sobre a cegueira" com uma frase: "Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara” e concluo com Mário Quintana: "Se as coisas são inatingíveis, não é motivo para não querê-las. Que tristes os caminhos se não fora a presença distante das estrelas".

Fonte: Blog do Ornilo Lundgren

Nenhum comentário:

Postar um comentário