sexta-feira, 18 de junho de 2010

Chuva Provoca Caos em Pernambuco e Governador Decreta Estado de Calamidade em Municípios Inundados

O governador Eduardo Campos sobrevoou pela manhã as áreas mais atingidas pelas chuvas na Região Metropolitana do Recife e no interior do Estado para avaliar os estragos causados pelas chuvas decretando situação de emergência nas cidades mais atingidas como: Catende, Amaraji, Belém de Maria , São Lourenço da Mata, Camaragibe ,Cabo de Santo Agostinho, Recife, Jaboatão dos Guararapes, Barra de Guabiraba, Cortês , Primavera e Vitória de Santo Antão. Com o decreto, o Estado fica menos sujeito à burocracia para adquirir medicamentos e comida, por exemplo, e fica habilitado a captar recursos junto ao Governo Federal.

Decretou que, se necessário, todos os prédios públicos devem funcionar como abrigos.


O governador também assinou um decreto liberando R$ 2,5 milhões para a compra de botes infláveis, barcos de alumínio, cordas, lonas e outros equipamentos que serão utilizados nos trabalhos de resgate das vítimas e na prevenção de novos desastres e pediu às empresas que possuem tratores e outras máquinas pesadas trabalhando nas obras de duplicação da BR-101 e do Porto de Suape que cedam os veículos ao Estado temporariamente para que sejam realizadas drenagens de canais e a retirada de lixo de rios entre outros serviços.
Também por solicitação do Governo do Estado, três helicópteros da Chesf e mais um da Polícia Rodoviária Federal já estão ajudando no resgate de vítimas e no transporte de mantimentos.


Uma reunião marcada para às 15h no Gabinete de Crise que é formado por representantes do Corpo de Bombeiros, polícias civil, militar e científica, além do Laboratório de Metereologia de Pernambuco (Lamepe), Codecipe e outros órgãos do Executivo estadual para definir as ações que devem ser tomadas. Representantes da Aeronáutica e do Exército também foram convocados.

Doações – Os pernambucanos que quiserem doar roupas, comida, agasalhos ou produtos de limpeza e higiene pessoal devem procurar os quartéis dos Bombeiros (Av. João de Barros) e da Polícia Militar (Derby) para entregar os seus donativos.
No interior, a entrega pode ser feita em qualquer quartel da PM ou dos Bombeiros mais próximo.

Amannda Oliveira
Fotos: ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário