Fotos: Hesíodo Góes/Secom e DER

A governadora Raquel Lyra vistoriou, nesta terça-feira (19), a obra de restauração da PE-300, no trecho que liga os municípios de Águas Belas a Inajá. A intervenção, de 96 quilômetros de extensão, contempla uma das rodovias mais importantes do Agreste Meridional, com ligação ao Sertão do Moxotó. Com previsão de conclusão para o início do segundo semestre de 2024, as ações contam com investimento de mais de R$ 95 milhões do Governo do Estado.

Essa é mais uma obra rodoviária reiniciada pela gestão estadual atual com o objetivo de reforçar a malha viária pernambucana. “Visitamos a PE-300 e vimos que as obras estão andando bem, então em breve entregaremos a via totalmente requalificada. São quase 100 quilômetros de obras e um investimento de praticamente R$ 100 milhões. Essa estrada vai de Águas Belas até as cidades de Itaíba, Manari e Inajá. É um sonho muito grande, de muito tempo, que vai gerar emprego e renda para essa região. Temos trabalhado em Pernambuco todinho e é muito bom ver que o resultado de quem trabalha junto é fazer a diferença na vida das pessoas”, destacou a governadora Raquel Lyra.

Quando concluída, a restauração da PE-300 vai melhorar a trafegabilidade com mais conforto e segurança para a população, além de facilitar o escoamento da produção agrícola da região, destacando feijão, tomate, melão, melancia, milho e mandioca. Também será um avanço importante para o escoamento da pecuária e laticínio da região, que possui a maior bacia leiteira de Pernambuco.

O secretário de Mobilidade e Infraestrutura, Diogo Bezerra, lembra que essa obra é uma reivindicação da população do Agreste Meridional e do Sertão de Itaparica. “A PE-300 faz uma interligação entre várias cidades de todo o Sertão. São um pouco mais de R$ 96 milhões investidos nessa obra, que vai permitir a conexão de pessoas que estudam em muitas cidades, além de pessoas que trabalham de uma cidade para outra”, registrou o secretário.

Até o momento, foram finalizados mais de 80% dos serviços previstos pelo cronograma e, atualmente, as obras avançam com os trabalhos de implantação das novas camadas de asfalto e da drenagem, que são executados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), sob a coordenação da Secretaria de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi). A última etapa das intervenções de obras será a instalação da nova sinalização horizontal e vertical.

Informações: Assessoria