Foto: Fernando Henrique

E já vai batendo saudades do Viva Jesus, encerrado oficialmente neste domingo (18). Foram cinco dias de grande público na Praça Mestre Dominguinhos, consolidando o festival no calendário oficial de eventos do município. As últimas apresentações reuniram a comunidade católica e evangélica, em um único dia, para ver Thiago Brado, Leandro Borges, Adriana Arydes e Preto no Branco.

Ao som de "Meu Alvo", o cantor paranaense, Thiago Brado, emocionou a todos já no início de sua apresentação. Canções como "Minha Essência" e "Verdades do Tempo", também fizeram parte do repertório do artista, que já deixou sua marca registrada nesta primeira edição do evento.

Cantando e compondo desde os 10 anos, Leandro Borges foi a segunda atração da noite. Dono de um carisma incomparável, o autor de "Deus e Eu", que já alcançou mais 390 milhões de visualizações no YouTube, trouxe à multidão, mensagens de fé e esperança, através de seus diversos louvores, como "Um Refrão Pra Sua Alma", "O Silêncio de Deus" e "Cuida".

A terceira e penúltima apresentação do festival ficou por conta de Adriana Arydes. Intérprete do sucesso "Humano Amor de Deus", que foi gravado no ano de 2004 em parceria com o Padre Fábio de Melo, e cantado ao vivo na Praça Mestre Dominguinhos, garantindo reflexão ao público presente, diante da história da composição da faixa.

Em entrevista, a secretária de Cultura, Sandra Albino, pontuou o sentimento ao fim de mais um evento. “Muito feliz com o resultado deste festival, porque acho que ele superou todas as expectativas. Quero agradecer a todos os envolvidos na realização, e tenho certeza que no próximo ano será melhor ainda, e nós vamos procurar inovações para este grande evento”, destaca a secretária de Cultura, Sandra Albino.

O grupo Preto no Branco foi o responsável por encerrar o primeiro Festival Viva Jesus. A atração ainda gravou material exclusivo para seu DVD, que será lançado nos próximos meses. Canções conhecidíssimas pela comunidade cristã não ficaram de fora da apresentação, como "Ninguém Explica Deus", "Os Sonhos de Deus" e "Tá Chorando Por Quê?".

O prefeito Sivaldo Albino destacou a grandiosidade do Viva Jesus em sua primeira edição. “Foi um momento de muita alegria e emoção, poder proporcionar um evento dessa grandeza. Com as famílias, em paz, onde as pessoas puderam rezar, orar, cantar e pular. Juntamos aqui toda a comunidade cristã, e o público foi muito além da expectativa. Isso aumenta a nossa responsabilidade, para no próximo ano, fazer um evento ainda maior e melhor”, finaliza o prefeito.

Allan Gustavo