Foto: Duda Mafra

Fazendo reverência a quem plantou as sementes, arou a terra e abriu os caminhos, Chico Chico retorna ao palco do Circo Voador com show do álbum autoral “Pomares”, dia 07 de outubro, com participação de Ana Frango Elétrico e Sombra, e abertura da cantora baiana Josyara. Com produção de Ivan Cavazza e Pedro Fonseca, “Pomares” acaba de ser indicado ao Grammy Latino 2022, na categoria Melhor Álbum de MPB. O disco é fruto maduro que Chico Chico colheu e oferece de bem, sendo compositor de todas as faixas. “Pomares traz a ideia da natureza que contempla o semear, o brotar, o crescer, o secar, pra brotar e começar de novo. E o nome também carrega a diversidade de sons que me interessa”, define Chico Chico.

 

Trazendo na bagagem referências como Itamar Assumpção, Luiz Melodia, Sérgio Sampaio, Jards Macalé, Caetano Veloso e Gilberto Gil, Chico Chico sobe na nave apresentando um repertório com 16 músicas, dentre elas Árvore, Ribanceira, Mãe, Amarelo Amargo, entre tantas outras, ao lado da banda formada por Pedro Fonseca (teclado e direção musical), Caio Barreto (guitarra), Cesinha (bateria), Thiago da Serrinha (percussão) e Miguel Dias (baixo). “No Rio, o Circo Voador é nossa casa. É um lugar que nos empolga muito, e eu espero que a galera chegue junto para curtir tanto quanto a gente”, convida Chico Chico.


Assessoria