Foto: Pixabay


Já estão abertas as inscrições para participar da segunda edição do “Projeto Experiências do Brasil Rural”, que busca apoiar e promover o turismo em áreas rurais do país. A iniciativa selecionará oito roteiros turísticos representando todas as regiões, contarão com apoio técnico para estruturação de destinos e de empreendimentos, bem como a comercialização de produtos e serviços. Fruto de uma parceria entre os ministérios do Turismo e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e da Universidade Federal Fluminense (UFF), a chamada pública segue aberta até o dia 1º de abril.

Clique AQUI para se inscrever.

Nesta segunda fase do projeto, serão selecionados oito roteiros turísticos pertencentes às cadeias agroalimentares do café, cachaça, farinha de mandioca e mel. “Além do apoio técnico para estruturação dos roteiros, também vamos promover uma série de capacitações de empresários, empreendedores e produtores rurais para a criação ou aprimoramento de roteiros e experiências”, pontuou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

Ao final dos processos de estruturação e desenvolvimento dos roteiros, a ideia é também inserir produtos elaborados por pequenos produtores rurais em bares, restaurantes, meios de hospedagem, lojas de artesanato e outros equipamentos que integram o roteiro turístico rural.

Entre os critérios para participar da seleção estão a vinculação dos roteiros a pelo menos uma das cadeias agroalimentares priorizadas no projeto, possuir estabelecimentos da agricultura familiar e abranger no máximo dois municípios. O objetivo é selecionar pelo menos um roteiro por região brasileira.

Para mais informações acesse o edital da chamada pública AQUI.

O resultado parcial das propostas habilitadas será divulgado no dia 8 de abril. A divulgação do resultado final ocorrerá em 20 de maio, após o prazo de recursos administrativos, bem como a fase de classificação.

TURISMO RURAL– O projeto “Experiências do Brasil Rural” teve início em 2021 para impulsionar produtos e serviços da agricultura familiar associados ao turismo, de forma a proporcionar vivências inovadoras a visitantes, diversificar a oferta turística nacional e gerar alternativas de renda no campo, a partir da formatação e do posicionamento de roteiros.

Os roteiros selecionados na primeira fase do projeto foram a Rota Amazônia Atlântica, do Pará; a Terra Mãe do Brasil, Seus Caminhos, Segredos e Sabores, da Bahia; o Agroturismo do Espírito Santo; a Rota do Queijo Terroir Vertentes e a Rota Gourmet das Terras Altas da Mantiqueira, em Minas Gerais; o Caminhos do Campo, em Santa Catarina; e Ferradura dos Vinhedos e Roteiro Farroupilha Colonial, no Rio Grande do Sul.

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo