sábado, 28 de agosto de 2021

Clayton Barros, do Cordel do Fogo Encantado, lança versão para clássico de Luiz Gonzaga



Violonista, vocalista e um dos compositores da banda Cordel do Fogo Encantado, Clayton Barros ultimamente vem produzindo música a partir de seu instrumento, o violão. Hoje (27), Clayton dá início a sua carreira solo com uma inspirada versão instrumental do clássico “Assum Preto” (Luiz Gonzaga/ Humberto Teixeira), lançado originalmente em 1950 pelo Rei do Baião. 

A obra realça o talento de Clayton Barros e o reafirma como um dos grandes instrumentistas do Brasil. O single também inaugura uma série de lançamentos programados para chegar ao mercado até o final do ano, através do selo pernambucano Estelita.

O artista comenta sobre o principal motivo de sua escolha: “É muito difícil escolher uma música dentro do repertório de Luiz Gonzaga, mas cheguei à conclusão que em ‘Assum Preto’ eu poderia intervir - com todo respeito e cuidado - na obra do mestre". A versão é bem orgânica, gravada com violões de 6 e 12 cordas, e ao invés de instrumentos convencionais de percussão foram utilizados garrafa, isqueiro e batida dos pés. "Para a parte rítmica busquei outro mestre como referência, Naná Vasconcelos, com quem tive o prazer de conviver durante um período" - completa.

Gravada no Estúdio Estelita (Recife/PE), com produção do próprio Clayton Barros, "Assum Preto" já está disponível nas principais plataformas de música.

Confira:


Informações: Batucada Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário