quarta-feira, 2 de junho de 2021

Sertânia avança os trabalhos na busca da universalização do saneamento

O prefeito Ângelo Ferreira reuniu-se com o superintendente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) em Pernambuco, Francisco Papaléo, para dar andamento à elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB). O encontro teve como objetivo principal acompanhar e alinhar as próximas etapas de construção do documento e foi realizado na Escola Municipal Presidente Vargas, na sede. 

São trabalhados quatro eixos: Sistema de Abastecimento de Água, Esgotamento Sanitário, Resíduos Sólidos e Manejo de Águas Pluviais, visando abranger toda a extensão rural e urbana do município, para assegurar a participação da população, com uma perspectiva de 20 anos e revisado a cada quatro. Para garantir a participação da sociedade neste processo de elaboração, é elencado o Plano de Mobilização Social.  

“Estamos avançando para universalizar o saneamento básico tanto na Zona Urbana, quanto na Zona Rural. Somos o pioneiro na região do Moxotó na busca dessa solução, realizando esse planejamento para viabilizar o abastecimento de água potável nas torneiras das residências, o tratamento de esgoto e evitar a poluição do meio ambiente. Isso representa a construção de uma Sertânia cada vez melhor para todos viverem”, disse o prefeito Ângelo Ferreira.

Até a finalização do documento serão realizados três eventos setoriais: um de diagnóstico participativo, que está ocorrendo nesse momento, outro de prognóstico, que é a próxima etapa, onde a população irá planejar os cenários dos próximos vinte anos, e o último de programas e projetos para traçar as ações que permitirão ao município universalizar o saneamento. Devido à pandemia do novo coronavírus, os encontros serão promovidos de forma online e presencial, cumprindo os protocolos de saúde.  

“Quem ganha é a população, pois o plano permitirá o acesso à água potável, prevenção de doenças, redução das desigualdades sociais, preservação do meio ambiente, desenvolvimento econômico do município, entre outras coisas”, disse o secretário de Desenvolvimento Social e Cidadania de Sertânia, Paulo Henrique Ferreira, que é o coordenador do Comitê de Coordenação. 

O superintendente da Funasa, Francisco Papaléo, contou que Sertânia sai na frente com essa iniciativa. “Sertânia é o único município do Sertão do Moxotó que está com seu plano em desenvolvimento, isso é importante para o futuro da cidade e para os investimentos que virão a partir disso. Além das águas da transposição que tornam a cidade um local atrativo para a iniciativa privada”, disse. 

Participaram da reunião o chefe de Gabinete da Prefeitura, Antônio Cajueiro Neto, os secretários municipais de Infraestrutura e Projetos Especiais, Marco Aurélio Ferreira, e de Serviços Públicos, Renato Remígio, a gerente de Ensino, Dionice Pereira, representando a Secretaria Municipal de Educação, além de Cayo Farias Pereira, engenheiro da empresa Empatech e coordenador da equipe de engenharia do Comitê Executivo.

ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário