terça-feira, 27 de abril de 2021

Jovem que sai de Caruaru para João Pessoa para fim de semana com amigo e é encontrada morta

A Polícia Civil está investigando o desaparecimento de uma jovem de 22 anos que saiu de Caruaru, em Pernambuco, na última sexta-feira (23), para passar o fim de semana com um rapaz que havia conhecido, em João Pessoa e foi encontrada morta. De acordo com a mãe da jovem, a última vez que ela estabeleceu contato com a família foi às 12h do domingo (25), por meio de mensagem.

No sábado, Patrícia Roberta contou à mãe que o jovem a havia deixado presa em casa. No domingo, última vez que a família conseguiu contato, Patrícia disse que o jovem havia chegado em casa com duas passagens para Caruaru e que os dois estariam voltando para a cidade. No entanto, até esta terça-feira ela não apareceu.

A família chegou a João Pessoa na segunda-feira (26). Os pais identificaram que a filha estava em um apartamento no bairro de Gramame, onde iniciaram as investigações. Com apoio de cães farejadores, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros fizeram buscas em terrenos do bairro de Gramame e áreas vizinhas localizando o corpo às 14h15, amarrado em um plástico, totalmente coberto, na área de mata. A identificação de Patrícia foi feita por um familiar no local devido a uma tatuagem.

A polícia informou que já pediu a prisão preventiva do suspeito, que seria amigo da vítima, e ele está sendo procurado.

No apartamento do jovem, a polícia encontrou uma lista com nomes de mulheres, um altar com livros de ocultismo e "escritos perturbadores", de acordo com Amanda Melo, uma das peritas do caso. Em um dos escritos de Jonathan, teria coisas como "à noite eu saio pra matar" e "você é uma menina boazinha e eu sou um cara mau, você não consegue me entender".

Informações: G1 Paraíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário