sábado, 6 de fevereiro de 2021

Primeira noite da Mostra "A Vapor" foi da poesia ao Samba de Coco

 Foto: Amannda Oliveira

A primeira noite da mostra A Vapor realizada pela Estação da Cultura foi marcada pela emoção da homenagem a Roberto Alves (o Baby), e pela beleza da arte de da cultura arcoverdense através de diversas apresentações culturais e musicais.

O evento contou com o Sarau Poético “Entre delírios, poesias e afetos” com a participação de Juliana Aguiar, Jéssica Mendes e Débora Freitas recitando poemas do novo livro de Juliana Aguiar, A Lucidez das Mulheres Loucas e a Loucura das Mulheres Lúcidas, além da participação da cantora e compositora Ju Vieira e do cantor e compositor Leandro Vaz, apresentado suas composições e música e poesias criadas no Núcleo de Compositores do Espaço da Palavra da Estação da Cultura. O momento contou com Alba Chalegre lendo suas poesias.

A noite ainda contou com o espetáculo de lambe-lambe PASSARINHAR de Jessica Mendes, que contou a história de "Théo um menino que fala o passarinhar das coisas não ditas entre um voo e outro pousa o pensamento” Os artistas arcoverdense ainda deram um show com as apresentações de Gota com Heide Herbert e pra encerrar a noite veio o mestre Cícero Gomes com o Coco Trupé de Arcoverde fazendo todo mundo dançar em casa.

Foto: Amannda Oliveira

E hoje a festa continua. A programação de hoje começa às 18h com o tour virtual pela exposição “Memória, Imagem e Ação”, o espetáculo “ Espelho da  Lua” da Tropa do Balacobaco, a Banda de Pífanos Santa Luzia, o espetáculo “ Histórias do Balacobaco”,  Iê, Meu Candeeiro com Muzenza, Além do Tempo com Maylla Alves e encerrando a noite o Maracatu Baque Mulher.

O evento conta é uma premiação do Governo de Pernambuco, através da Lei Aldir e conta com o apoio do da AVG Entretenimento, Prefeitura de Arcoverde, Blog Falando Francamente, RIPA, Pajeú Filmes, APENET e Toró de Ideias.

Foto: Amannda Oliveira

As apresentações contam com acessibilidade e acontecem no Canal da Estação da Cultura no Youtube AQUI.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário