terça-feira, 29 de setembro de 2020

Pesquisa é divulgada na Pedra antes do prazo e com número de entrevistas errado


 

A pesquisa de opinião registrada por quatro vezes devido a erros sucessivos pelo NAIPES contrariou tudo o que dizia no ato do registro junto a Justiça Eleitoral e foi divulgada um dia antes e com dados errados do universo pesquisado. A divulgação suspeita ocorreu no blog parceiro da candidatura do oposicionista Junior Vaz e dá o mesmo com larga vantagem de intenções de voto, o que fica em xeque devido aos erros e a forma da divulgação.



No registro realizado pela quarta vez junto à Justiça Eleitoral, no dia 23 de setembro, a empresa NAIPES Assessoria e Consultoria em Marketing LTDA informa que a pesquisa seria divulgada no dia 29 de setembro, seguindo o que diz a lei eleitoral, mas foi divulgada no dia anterior, ontem, dia 28, pelo informativo pedrense, que momentos depois retirou a postagem do ar. Não bastasse a contrariedade da lei da divulgação antes do permitido, a matéria revela que o universo pesquisado foi maior do que o previsto no registro, anulando totalmente sua credibilidade.

No registro feito, o universo pesquisado era de 378 pessoas, mas na matéria de divulgação dos números aparece um universo de 384 pesquisados no município da Pedra.


A pesquisa foi registrada nada menos que 04 vezes. Pelos dados disponíveis no portal do Tribunal Superior Eleitoral – TSE, a pesquisa que foi contratada por Jemerson Edias de Melo, já teve, com a desta quarta-feira (23), quatro registros anotados (PE 06375/2020 -PE 02475/2020 - PE 09106/2020 - PE 00134/2020), sendo o último feito às 13h14 do dia 23 de setembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário