sexta-feira, 24 de julho de 2020

Arcoverde atinge 100% das crianças do Programa Olhar para as Diferenças vacinadas para Influenza


A Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, concedeu à cidade Arcoverde o certificado e selo de ‘Município que faz a Diferença’, pelo alcance da meta de 100% das crianças do Programa Olhar para as Diferenças vacinadas para Influenza em 2020.

De acordo com o relatório enviado à Secretaria de Saúde de Arcoverde, o PNI Municipal constatou na busca ativa das crianças com deficiência, de 0 a 6 anos, atendidas pelo Programa Olhar para as Diferenças, algumas situações relevantes para o seu acompanhamento.

No panorama da situação vacinal, o município obteve 100% das crianças que foram abordadas. De 109 crianças, 21 mudaram de endereço ou não foram localizadas; em dois casos, o cuidador recusou a ofertar da vacina; uma criança foi a óbito; duas tem contraindicação da vacina; e em um único caso, não foi identificado deficiência.

“Ao final temos o total de 86 crianças integrantes do Programa Olhar para as Diferenças no município. E 100% das crianças abordadas, o que lhe conferiu o selo de Município que faz a Diferença. Agradecemos pelo compromisso com a cidadania e saúde das crianças com deficiência, atingindo a meta de 100% das crianças do Programa Olhar para as Diferenças vacinadas para Influenza em 2020”, ressaltou no relatório a coordenadora estadual do programa, Flávia Veras.

O ‘Olhar para as Diferenças’ foi lançado em Arcoverde em agosto de 2019, pelo governador Paulo Câmara, que na ocasião assinou o Decreto Estadual, implantando o programa nas Gerências Regionais de Saúde (Geres), com o objetivo de mapear nas escolas do Estado as crianças assistidas ou não pelo Programa Mãe Corujas em 24 municípios do Sertão, que estão incluídas no público-alvo, a exemplo de crianças com microcefalia ou que possuam o Transtorno do Espectro Autista (TEA), Síndrome de Down e outras deficiências física, auditiva e visual.

A 6ª Geres, com sede em Arcoverde, representa 13 municípios contemplados com o ‘Olhar para as Diferenças’, no Sertão do Moxotó e Itaparica.

ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário