quinta-feira, 4 de junho de 2020

Caixa paga segunda parcela do auxílio emergencial para nascidos em abril nesta quinta-feira


Caixa Econômica Federal inicia, nesta quinta-feira (04), o pagamento em dinheiro da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600,00 para cerca de 2,7 milhões de trabalhadores nascidos em maio, que se cadastraram pelo site do banco (caixa.gov.br) ou pelo aplicativo Caixa / Auxílio Emergencial. São pessoas que não recebem o Bolsa Família.

Os saques em dinheiro tiveram início em 30 de maio e já foram liberados para nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril — totalizando 10,3 milhões de trabalhadores cadastrados no programa de auxílio. A ordem de saques segue o mês de aniversário dos beneficiários e vai até o dia 13 de junho.

Saque em espécie para quem não tem Bolsa Família

  • Nascidos em janeiro: 30 de maio
  • Nascidos em fevereiro: 1 de junho
  • Nascidos em março: 2 de junho
  • Nascidos em abril: 3 de junho
  • Nascidos em maio: 4 de junho
  • Nascidos em junho: 5 de junho
  • Nascidos em julho: 6 de junho
  • Nascidos em agosto: 8 de junho
  • Nascidos em setembro: 9 de junho
  • Nascidos em outubro: 10 de junho
  • Nascidos em novembro: 12 de junho
  • Nascidos em dezembro: 13 de junho

No dia 11, não haverá pagamentos, pois é feriado de Corpus Christi.

Poupança

Nesta segunda parcela, a quantia de R$ 600 (ou R$ 1.200 para mães chefe de família) foi depositada diretamente em conta digital gratuita da Caixa, aberta especialmente para o programa emergencial.

Diferentemente do que ocorreu na primeira parcela, a regra passou a valer também para quem tem conta bancária em outros bancos.

O dinheiro já estava disponível nas contas poupanças sociais digitais desses trabalhadores sem direito a Bolsa Família — informais, autônomos, microempreendedores individuais e desempregados sem seguro-desemprego — desde o dia 21 de maio. Mas não era permitida a retirada em espécie.Até então, somente era possível fazer pagamentos de contas e boletos de água, luz, telefone e cartões de crédito, por meio do aplicativo Caixa Tem. Agora, além da retirada em dinheiro, está liberada para este grupo a transferência de recursos para outras contas.

O beneficiário ainda pode emitir um cartão de débito digital, por meio do app Caixa Tem, que pode ser usado para compras. 

Informações: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário