quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Arcoverde: Câmara aprova cessão da prefeitura velha ao Poder Legislativo


Danificada parcialmente desde que um incêndio atingiu o prédio em março de 2017, o prédio da antiga Prefeitura, a onde hoje funciona a Agência do Trabalho de Arcoverde, vai passar oficialmente para a responsabilidade da Câmara Municipal de Vereadores. Para isso, a prefeita do município, Madalena Britto (PSB), enviou projeto de lei que foi aprovado na segunda-feira passada pela casa legislativa, a pedido da vereadora aliada e presidente da Câmara, Célia Galindo (PSB). O projeto foi aprovado por unanimidade.

A cessão do prédio já tinha sido solicitado pela presidência da Casa James Pacheco com o objetivo de reformar e restaurar o local, patrimônio histórico de Arcoverde, para servir de anexo da Câmara e abrigar atividades administrativas e educativas ligadas ao Poder Legislativo.

Pelo Projeto de Lei nº 05/2019, a prefeitura de Arcoverde formaliza um convênio para cessão não onerosa do prédio para a Câmara Municipal por um período de 10 anos, renovável por igual período, ficando a casa legislativa com a obrigação de não utilizar o espaço para outro fim.

O prédio deverá passar por uma reforma, já que recentemente parte do teto da marquise caiu deixando tijolos e ferros descobertos e colocando em risco quem passa pelo local. Além da recuperação da estrutura, a Câmara deverá também realizar a restauração de áreas danificadas pelo tempo para que o prédio seja entregue e comece a servir a população.

História - Inaugurada em 7 de setembro de 1941, a portanto 78 anos, a sede da Prefeitura Municipal de Arcoverde ainda na época da então Rio Branco, contou com a presença, na época, do então interventor federal em Pernambuco, Agamenon Magalhães. Em 1977, no dia 30 de janeiro, o local deixava de ser a sede oficial da Prefeitura, na gestão do prefeito Arlindo Pacheco, e passava a ser utilizado por outras secretarias, como a da Assistência Social. Em 2006, o prédio é cedido ao Governo do Estado, no governo Zeca Cavalcanti, para a instalação da Agência do Trabalho, que deverá ser transferida para outro endereço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário