sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Arcoverde ganha Centro Administrativo Antônio Olímpio Santos e Ouvidoria Municipal de Saúde

 Foto: Amannda Oliveira

Em solenidade realizada na manhã desta sexta-feira, 31 de agosto, a prefeita de Arcoverde, Madalena Britto, inaugurou o Centro Administrativo Antônio Olímpio Santos. Marcado por anúncios inovadores, como a criação da Ouvidoria Municipal de Saúde e lançamento do site institucional da repartição pública, o evento contou com as participações da secretária de Saúde, Andreia Karla, de Jonas Olímpio Santos, representando a família do homenageado; Marcos Rueda, coordenador estadual do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS, e das vereadoras Célia Almeida Galindo, Luiza Margarida e Cleriane Medeiros, entre servidores públicos e representantes da sociedade civil.
 Foto: Amannda Oliveira
A secretária municipal de Saúde, Andreia Karla, enfatizou inicialmente a importância da implementação da Ouvidoria Municipal nas atribuições da pasta, que agora também dispõe do site: www.saude.arcoverde.pe.gov.br, reunindo as diversas informações sobre os serviços públicos do segmento em Arcoverde. “A Ouvidoria se trata de um canal aberto para melhorarmos os nossos serviços. Através dela, a população poderá dar sugestões, solicitar informações, fazer denúncias e tudo será apurado por duas funcionárias com a devida descrição, de maneira que a população possa confiar no trabalho que será executado. Já no site, os usuários poderão encontrar entre as diversas utilidades e divulgação das ações da Secretaria Municipal de Saúde, o link da Ouvidoria, para facilitar o contato com o referido setor”, destacou Andreia.
“Hoje, é com grande satisfação que recebemos aqui a nossa família para a inauguração do Centro Administrativo, que leva o nome do meu avô Antônio Olímpio Santos. Queremos homenageá-lo com imensa alegria, não apenas por ser o pai da prefeita Madalena Britto e avô da secretária de Saúde. Mas sim, porque ele teve a sua história de trabalho e luta aqui, neste antigo prédio da sede DNOCS de Arcoverde”, frisou em seu discurso a secretária municipal.
Posteriormente, o representante do DNOCS em Pernambuco, Marcos Rueda, fez considerações sobre a importância da reforma predial e inauguração do novo centro administrativo do município, que passa a ocupar as antigas dependências do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas. Em seguida, Jonas Olímpio dos Santos, um dos treze filhos de Antônio Olímpio Santos e Helena Fernandes Macedo, saudou as autoridades e o público presente com memórias sobre a trajetória de vida do seu pai, homenageado através de projeto de Lei Municipal de autoria da vereadora Luiza Margarida.
Encerrando a solenidade, a prefeita Madalena Britto falou com emoção sobre a nova aquisição do complexo para o município de Arcoverde. “Este prédio significou muito para todos nós. E eu quero aqui agradecer de coração ao deputado federal João Fernando Coutinho, por ter nos acompanhado em Brasília, várias vezes, para que pudéssemos conseguir esta cedência para a Prefeitura Municipal de Arcoverde. Aqui, nós estamos tornando possível um centro administrativo muito importante e eu acredito que de todas as inaugurações que nós fizemos até hoje, desde o ano de 2013, quando iniciei o meu primeiro mandato, esse momento é o de maior emoção para mim, especialmente pela simplicidade que o meu pai tinha. Não era um homem de muitos conhecimentos, mas era um homem sábio, que valorizava a educação. Para ele, a educação estava em primeiro lugar e foi o que ele se preocupou em dar aos seus treze filhos, sendo naquela época nove mulheres e quatro homens. Hoje, somos doze irmãos. E meu pai lutou muito para que seus filhos tivessem uma vida digna, priorizando para todos era a educação”, recordou a gestora do município.    
Além da Secretaria de Saúde e da Ouvidoria Municipal da pasta, outras dependências do Centro Administrativo Antonio Olímpio Santos também irão abrigar setores públicos de distintas secretarias municipais.   
Sobre o homenageado – “Oriundo dos sertões baiano, Antonio Olímpio Santos nasceu na antiga cidade de Patrocínio do Coité, hoje com o nome de Paripiranga. Ainda jovem partiu mundo afora à procura de trabalho, se não me engano foi como soldado que iniciou esse seu futuro, destacou (termo policial), em Serrinha, andou por Senhor do Bonfim, e em outra cidade baiana, Queimadas, conheceu a jovem Helena Fernandes Macedo, (minha também saudosa mãe), isso lá na década de 1940, nessa época era presidente do Brasil, o General Eurico Gaspar Dutra, então ele escreveu uma carta de próprio punho ao presidente, solicitando emprego no DNOCS, não sei bem mas me parece uma transferência de trabalho, naquela época mais fácil que os dias atuais, mas o certo é que sua solicitação foi aceita, e ingressou nessa repartição pública, e como muitos sabem, desempenhou sua função de topógrafo com dignidade até os dias de sua aposentadoria. Quando na ativa andou por terras baianas, alagoanas, paraibanas, cearenses, e finalmente terminou seu paradeiro aqui em Arcoverde nesse sertão pernambucano. Participou da construção de ponte em Santana do Ipanema (Al), construções de estradas de rodagens como as de Salgueiro em direção ao Ceará (em Jatí), outras como as de Arcoverde à Buíque, indo até a cidade de Santa Clara, hoje Tupanatinga, Arcoverde à Poção, e também na construção do Açude Poço da Cruz, Ibimirim, terra onde nasceu um dos seus 13 filhos, Madalena, hoje prefeita de Arcoverde. Então estamos fazendo esse relato, tendo em vista a mesma ter conseguido através dos representantes dos poderes superiores uma espécie de comodato do imóvel onde outrora funcionava a sede do DNOCS em Arcoverde, onde passará a funcionar a Secretaria de Saúde, e que terá seu nome em sua homenagem, passando a partir de hoje a se denominar: Centro Administrativo - Antonio Olímpio Santos, - da Ouvidoria Municipal de Saúde”, relatou durante a solenidade Jonas Olímpio dos Santos.
ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário