sexta-feira, 20 de junho de 2014

A tradição deu o tom da noite na abertura do São João de Arcoverde


Os amantes do forró tradicional tiveram uma noite e tanto na abertura do São João de Arcoverde nesta quinta-feira (19). Polo a polo, o forró pé de serra tocou além de ritmos como o coco e o maracatu. 
No palco multicultural quem abriu a noite foi o grupo arcoverdense Os Pariceiros que estão completando dez anos de carreira regada a uma música de qualidade e muito poesia. George Silva deu um show de cultura e interagiu com o público que pedia mais.




Em seguida houve a abertura oficial do São João com presença de políticos e autoridades e a Quadrilha Junina Portal do Sertão se apresentou de forma magnífica homenageando o Cine Bandeirante extinto há anos e que marcou a história local. Ricamente vestida e com uma coreografia impecável, a apresentação encantou a todos.


A segunda atração da noite , foi a cantora e multi-instrumentista paraibana Lucy Alves que a mim de modo agradou e muito. Entrevistei Lucy em 2010 quando ela veio a Arcoverde na época com o Clã Brasil e é muito bom perceber o amadurecimento dela no palco. Ontem ela veio com uma grande estrutura de banda e não perdeu as suas raízes. Deu um show com o repertório do seu disco solo gravado pela Universal Music e que conta com músicas de Luiz Gonzaga como "Que nem Jiló", Dominguinhos, "De Volta pro Aconchego, Carlinhos Brown com o " Segue o Seco" e Geraldo Vandré com Disparada belissimamente executada emocionando o público.


A última atração da noite foi o cantor e compositor olindense Jorge de Altinho que trouxe ao palco um verdadeiro desfile de sucessos da sua carreira sendo acompanhado e ovacionado pelo público em todo o repertório. Músicas como " Sou Feliz", " Foi bom te amar" e " Petrolina, Juazeiro" , embalaram a multidão que lotou a Praça da Bandeira.

Amannda Oliveira


Nenhum comentário:

Postar um comentário