quarta-feira, 24 de julho de 2013

Esplanada Guadalajara em Garanhuns poderá se chamar Esplanada Cultural Dominguinhos

A noite da terça-feira (23), começou triste em Garanhuns com a notícia da morte de um de seus filhos mais ilustres o cantor e compositor Dominguinhos. Dentro da programação do Festival de Inverno que acontece na cidade, o prefeito Izaías Régis pediu um minuto de silêncio em homenagem ao artista durante a inauguração da mostra Um Olhar Interior, da arquiteta Janete Costa, homenageada do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG). 
O próprio Izaías foi o portador da notícia para o público que se fazia presente, decretando luto de três dias na cidade e falou do desejo de criar um monumento em homenagem a Dominguinhos. "Nossa ideia é fazer um monumento em homenagem a ele onde as pessoas possam realizar visitações. Dominguinhos fica na história como uma pessoa que saiu de Garanhuns para o mundo e fez história", disse Régis. O prefeito informou ainda que apresentará um projeto para mudar o nome da Esplanada Guadalajara para Esplanada Cultural Dominguinhos. Uma reunião será realizada para decidir também as homenagens ao sanfoneiro.
O Secretário Cultura de Pernambuco Fernando Duarte declarou, em pleno Festival de Inverno de Garanhuns, terra natal de Dominguinhos, que os palcos do 23º FIG (Guadalajara, Instrumental, Pop e Forró) dedicarão suas músicas à obra do mestre Dominguinhos. A Secretaria de Cultura (Secult-PE) e a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) manifestaram pesar pela morte do cantor, compositor e instrumentista. 
O governador Eduardo Campos fez pronunciamento esta noite, de condolências à família de Dominguinhos e decretou luto oficial de três dias, em Pernambuco.
Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário