domingo, 30 de junho de 2013

Brasil é campeão da Copa das Confederações 2013

Foto: FIFA Getty Images

A maior seleção espanhola de todos os tempos entrou em campo no Maracanã disposta a adicionar a Copa das Confederações da FIFA à sua invejável sala de troféus. O Brasil não apenas rasgou esse roteiro, como também saiu vitorioso com um desempenho de dar orgulho a seleções como as de 1958, 1970 e 1982.
Foram necessários apenas dois minutos para que Fred levasse a torcida à loucura com um gol típico de artilheiro. Ainda no primeiro tempo, David Luiz salvou uma bola espetacular que ficará na história. Pedro, autor do chute afastado quase em cima da linha, deu até mesmo os parabéns ao jogador do Chelsea no intervalo. 
Neymar fez o segundo no final do primeiro tempo com um chute forte sem defesa para Casillas, mostrando por que o Barcelona pagou 57 milhões de euros por ele. Fred completou a vitória por 3 a 0 dois minutos após o reinício, mas o pesadelo da Espanha não havia chegado ao fim. Sergio Ramos ainda perdeu um pênalti e Gerard Piqué foi expulso por derrubar Neymar enquanto o ex-santista arrancava rumo ao gol.
Mais cedo, na batalha pelo bronze, dois gols do uruguaio Edinson Cavani, um deles em bela cobrança de falta, não foram suficientes para evitar a derrota nos pênaltis depois de empate em 2 a 2 com a Itália no tempo normal e na prorrogação. O dono das manchetes foi Gianluigi Buffon. No dia em que jogou a sua 133ª partida pela seleção italiana, ficando apenas três atrás do recordista Fabio Cannavaro, o goleiro de 35 anos defendeu três penalidades.

Brasil e Itália não foram os únicos ganhadores do dia. Também venceram todos os que pretendem ir ao país sul-americano para a Copa do Mundo da FIFA no ano que vem. Mais uma vez, os brasileiros mostraram que são apaixonados por futebol e criaram um clima extraordinário que não pode ser descrito em palavras. Então, se você ainda não fez planos, já é hora de pensar em participar do maior evento da história do esporte daqui a um ano.
Informações: FIFA

Nenhum comentário:

Postar um comentário