quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Garanhuns receberá investimentos na área de saúde

O secretário estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, foi recebido, na última terça-feira (7) pelo ministro da saúde, Alexandre Padilha, em Brasilia, para definir investimentos na rede de urgência de Pernambuco. No encontro, o ministro programou uma agenda no Recife para o próximo dia 16, quando visitará o Hospital da Restauração e anunciará um investimento de R$ 18 milhões na maior emergência do Norte Nordeste e nos hospitais Getúlio Vargas e no Agamenon Magalhães.

Acompanhado da secretária-executiva de Atenção à Saúde, Tereza Campos, Figueira saiu bastante satisfeito da reunião. “Com os R$ 18 milhões do Ministério da Saúde, mais R$ 22 milhões de contrapartida do Governo de Pernambuco, realizaremos obras muito importantes de reforma e ampliação de leitos nas duas maiores referências em trauma e Agamenon, referência em cardiologia que ganhará um novo bloco ambulatorial e uma emergência com maior capacidade e dentro das normas de qualidade da Anvisa”, explicou o secretário. As obras começam este ano e devem ser concluídas em 2013.

Garanhuns – Ainda em Brasília, Figueira também participou de reunião, no Ministério da Educação, para dar andamento às ações que visam a implantação do curso de medicina da UPE em Garanhuns. Acompanhado do reitor do UPE, Carlos Calado, e do secretário executivo de gestão do Trabalho, Mozart Sales, além do coordenador do curso em Garanhuns e de um representante dos estudantes, ele foi recebido pelo secretário-executivo do MEC, Henrique Paim.

Além de apresentar os investimentos que foram feitos no Hospital Dom Moura, em Garanhuns, como a inauguração de uma UTI e a reforma da emergência, obras que possibilitarão à unidade ganhar o certificado de hospital-escola, o secretário anunciou que, no próximo ano, abrirá o primeiro concurso para acadêmicos plantonistas de medicina para a região. Com isso, os estudantes poderão complementar, com atividades práticas, o que foi aprendido em sala de aula, recebendo uma bolsa de auxílio aos estudos. 
Fonte: Secretaria de Saúde de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário