domingo, 22 de abril de 2012

Prédio do Sassepe em Arcoverde pega fogo e população faz o trabalho dos bombeiros.

Foto: Arcoverde de Todos

Mais uma vez, a não existência de uma sede do Corpo de Bombeiros em Arcoverde, mostrou a fragilidade em que nos encontramos a cerca de uma perigo diário denominado: incêndio.

Na noite de ontem (21), o prédio do Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado de Pernambuco- SASSEP, antigo IPSEP em Arcoverde, pegou fogo.

Nas redes sociais, os vizinhos comentavam espantados o que acontecia na proximidade de casa, destacando o medo de terem suas casas atingidas pelo fogo.

O incêndio começou por volta das 19h no arquivo da instituição e o estrago não foi pior por que a população agiu de forma imediata apagando o fogo e fazendo um trabalho que deveria estar sendo realizado por peritos.

Donos de carros pipa foram cruciais para apagar o fogo que ameaçava se espalhar pela vizinhança.O corpo de bombeiros localizado em Belo Jardim só apareceu por volta das 20:30, uma hora e meia depois praticamente para fotografar e verificar as causas do incêndio o que segundo imagens do local estava repleto de palitos de fósforos onde o fogo começou. Assim coo aconteceu no último dia 20 de fevereiro, a polícia vai investigar as causas do incêndio.

A Prefeitura de Arcoverde realizou a quase um ano a doação de um terreno para que o Corpo de Bombeiros seja instalado na cidade, mas até o presente nenhum sinal foi visto no local.

Agora, fica a pergunta: QUE TIPO DE INCÊNDIO É NECESSÁRIO PARA QUE O GOVERNO DO ESTADO TOME UMA ATITUDE EM RELAÇÃO AO CORPO DE BOMBEIRO EM ARCOVERDE?

Digo Arcoverde, mas vale salientar que todos os 184 municípios do estado deveriam possuir uma base do Corpo de Bombeiros e uma delegacia, não ficar dividindo serviços considerados chave para a vida dos cidadãos.

Amannda Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário