quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Imip atenderá pacientes de neurologia clínica do HR


O Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip) passa a ser unidade de referência para receber pacientes do setor de neurologia clínica do Hospital da Restauração (HR). Funcionando de forma experimental há um mês, o local já recebeu 95 pessoas, até a manhã desta segunda-feira (19/09). A expectativa, agora, é preencher todos os 32 leitos disponibilizados pelo convênio com a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Por mês, o Estado investirá cerca de R$ 300 mil para otimizar o atendimento dos pernambucanos.
 
“Esse é o novo conceito que estamos implantando na rede, de ter hospitais de retaguarda para as grandes emergências. Por isso, estamos contratando 32 leitos do Imip para ajudar a maior emergência neurológica de todo o Nordeste”, afirmou o secretário Estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, que visitou, na manhã desta segunda-feira (19/09), o setor.
 
“Não estamos contratando apenas a internação, mas toda a linha de cuidado, o que dá agilidade à alta e possibilita o tratamento de mais pacientes”, ressaltou Figueira, lembrando que exames e outros procedimentos também podem ser realizados no local.
 
O convênio entre a SES e o Imip segue o mesmo modelo do contrato fechado com o Hospital de Santo Amaro, que é retaguarda às cirurgias de trauma do Hospital Getúlio Vargas (HGV). O Imip está atuando como hospital de retaguarda para o HR e recebendo pacientes da emergência clínica, que já receberam alta da emergência, mas precisam continuar internados para o tratamento.
 
Dos 32 leitos disponibilizados, 16 são masculinos e 16 femininos. “Por dia, o HR recebe uma média de 55 pacientes. Todos fazem tomografia e exames laboratoriais. Desses, 75% ficam internados e os demais recebem alta”, disse o diretor do HR, Miguel Arcanjo. No HR, são 120 leitos de neurologia clínica, sendo 80 na emergência e 40 na eletiva.
 
 “Estamos trabalhando com o intuito de aumentar a oferta de leitos de neurologia no Estado, que é uma demanda crescente na rede de Saúde de todo o País. Em outubro, ainda abriremos mais 80 leitos de neurologia, clínica e cirúrgica, no Hospital Pelópidas Silveira”, completa o secretário Antonio Carlos Figueira.

Fonte: Secretaria de Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário