sexta-feira, 15 de julho de 2011

Mestrado e Doutora na UPE serão gratuítos


Nesta sexta-feira (15), o governador Eduardo Campos assina decreto tornando gratuitas as taxas de matrícula e mensalidades dos alunos dos cursos de mestrado e doutorado e do Programa Especial de Graduação em Pedagogia (Progrape) da Universidade de Pernambuco (UPE). Com a iniciativa, serão beneficiados cerca de 350 pós-graduandos e 1.130 alunos do Progrape.

Criado pelo Governo em 1999 em parceria com prefeituras, o Progrape tem o objetivo de complementar a formação e capacitar os professores da rede pública de ensino que não possuem licenciatura (apenas o antigo Magistério). O programa já formou mais de 12 mil professores em cursos presenciais e a distância instalados em 42 polos que agregam 82 municípios do Estado.

Atualmente, existem cerca de 2.380 alunos regularmente matriculados no Programa da UPE, sendo que apenas 1.250 são beneficiados com a isenção do pagamento das mensalidades, em função de atuarem como docentes na rede pública municipal ou estadual de ensino e terem suas mensalidades custeadas pelos municípios e Governo do Estado. O restante dos professores, que será favorecido com a gratuidade, custeia mensalmente cerca de R$ 160,00 do curso.

Os valores das mensalidades serão repassados pelo Governo do Estado à UPE no limite do número de alunos matriculados por unidade de ensino. Cerca de R$ 2,1 milhões por ano serão investidos nas duas iniciativas, sendo R$ 1,15 milhão por ano no Progrape até sua extinção, no final de 2013, e R$ 967,2 mil por ano na gratuidade da pós-graduação da UPE.

O decreto foi assinado no campus de Garanhuns da UPE.

Fonte: Governo do Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário