terça-feira, 24 de maio de 2011

Gerdau inaugura fábrica, anuncia ampliação e compra da Açonorte


Foto: Aluízio Moreira

 Nesta terça-feira (24), aconteceu a inauguração da nova fábrica da Gerdau voltada para o corte e dobra de aços longos - materiais demandados nos ramos imobiliários e de construção. A solenidade foi realizada no endereço da nova unidade fabril, no Cabo de Santo Agostinho, a 25 km do Porto de Suape, e foi acompanhada por vários empresários ligados ao setor , bem como do governador Eduardo Campos.

O empreendimento já chega ao Estado com o acréscimo de 40% da produção planejada, antes prevista para processar quatro mil toneladas de aço por mês - capacidade suficiente para atender, simultaneamente, a 300 obras e promover um incremento de 680 empregos na oferta de trabalho, sendo 170 com carteira assinada.

            A Gerdau investiu R$ 31,5 milhões para dotar a planta pernambucana dos mais modernos processos de produção, compra de equipamentos e design. “Essa planta já está sendo ampliada em mais 40% e parece que já começa a ser um marco desse momento de Pernambuco fazer ampliações daquilo que estava planejado anteriormente”, comemorou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Júlio, citando a Kraft Foods, que no início do mês também foi inaugurada com uma expansão de 50%.

Líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das maiores fornecedoras de setor metalmecânico do mundo, a Gerdau implanta, a partir de Pernambuco, inovações tecnológicas que contribuem tanto para a proteção do meio ambiente, como propiciam ganhos qualitativos em toda a cadeia produtiva. A Gerdau Suape já é a segunda maior planta do país e a primeira no quesito modernidade. 

Recepcionados pelos trabalhadores recém-contratados, Eduardo percorreu as instalações do fábrica antes de discursar e descerrar a placa de inauguração do local.    Eduardo falou sobre a importância da chegada da Gerdau para melhorar a competitividade no ramo da construção civil e destacou crescimento econômico do Estado.

“Pernambuco vive um ciclo de desenvolvimento sustentável que cresce muito acima do número de pessoas que chegam ao mercado de trabalho”, disse. “Escolhemos ficar próximos de Suape, porque aqui estamos pertinho da concentração de indústria e do emprego”, justificou o diretor-presidente da Gerdau, André Gerdau Johannpeter.

Esse é o quinto empreendimento do grupo no Estado. As demais unidades encontram-se nos municípios de Igarrassu (Unidade de Corte e Dobra de Aço Igarassu), em Jaboatão dos Guararapes (Centro de Serviços de Aços Planos) e duas delas no Recife (Usina Açonorte e a e Filial Comercial Gerdau).

AÇONORTE - Durante a solenidade de inauguração outra boa notícia. A Gerdau acaba de comprar o terreno onde estava instalada a antiga unidade da Phillips – fechada em novembro de 2010. A transação vai permitir a ampliação da Usina Açonorte, situada no bairro do Curado, no Recife.  

“Estamos estudando os novos investimentos da ampliação da Açonorte, o que confirma a nossa parceria no crescimento de Pernambuco”, afirmou André Gerdau. 

Fonte: SEI

Nenhum comentário:

Postar um comentário