sexta-feira, 16 de julho de 2010

52.ª Festa do Estudante de Triunfo.


A programação da 52ª Festa dos Estudantes de Triunfo, foi divulgada nesta quinta (15), proposta pela Fundarpe - Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco que neste ano entrará com apenas quatro dias de evento. 
O Prefeito de Triunfo Luciano Bonfim se reuniu com com seus secretários,  representantes da rede hoteleira e comércio da cidade para encontrar uma solução em relação a grade dos quatro dias retantes, uma vez que o evento sempre dispôs de 08 dias de festa bancados pela FUNDARPE.








27/07 – Terça-Feira / Praça XV de Novembro

19h - Atrações regionais
20h - Laércio Lins e Banda Sal da Terra
21h30 - Armando Filho e banda


28/07 quarta-feira

18h às 21h – Desafio de Cantadores (Atração a definir)
22h30 – Reginaldo Rossi
00h30 – Banda Magnificos
02h30 – Forró Global

29/07 quinta-feira

22h - Observa e Toca – Ambrosino Martins
23h – Erasmo Carlos
01h – Orquestra Edição Extra e Genecy

30/07 sexta-feira

21h – Ambrosino Martins e Nelson Triunfo
23h – Nando Reis
23h – Fábio e Nando
01h – Nós Quatro

31/07 sábado

21h – Vencedor do observa e toca – Garanhuns
23h – Fabrício Ramos e Templários
23h – Alceu Valença
01h – Geraldinho Lins

Percebe-se que assim como no Festival de Inverno de Garanhuns , as atrações deixaram muito a desejar, o que é uma pena por que significa queda de público e prestígio do evento.

Amanda Oliveira

2 comentários:

  1. Não é que tenha caído,apenas não virão bandas que cantam músicas de baixo escalão...como sempre vieram...para quem gosta de boa música a programação está perfeita...fico triste por você não ter gostado é uma pena...
    Realmente são poucas as atrações que valem muito a pena..mas vale a pena conferir...
    Isto é apenas um desabafo..nada contra teu blog tá...estou sempre de olho nele...bjo..^^D

    ResponderExcluir
  2. Olá, eu acho que as bandas como vc falou de baixo escalão ainda se farão presentes e por isso o meu comentário. O nosso Estado tem artistas maravilhosos e que nem sempre estão presentes nas atrações dos festivais. Acho que as programações deveriam atentar pra isso e termo uma noite só de boa música pernambucana , principalmente: nao colocar os cantores da terra para abrir as noites para praças muitas vezes vazias. Os festivais tem essa função também de mapear o artistas dos lugares , dar espaço. Seja sempre bem vinda viu

    ResponderExcluir