quarta-feira, 2 de junho de 2010

Prefeito do Recife diz a Tamarineira só poderá ser salva se terreno for desapropriado

Foto: Divulgação/PCR

O prefeito João da Costa reuniu-se ontem (01/06) a tarde com a Santa Casa de Misericórdia e a Realesis. Depois de ter escutado entidades contrárias à construção do shopping no terreno, o prefeito teve acesso aos argumentos da proprietária do local e da empresa à frente do projeto. Ao término do encontro, o prefeito disse que a lei atual permite a construção e que, para evitá-la, teria que desapropriar o local.

“O que existe é você decretar área de utilidade pública e fazer uma desapropriação. Sendo um Ipav (Imóvel de Proteção de Área Verde) que é a condição hoje é a da Tamarineira, a lei permite uma construção de até 30%.
Tanto a Santa Casa de Misericórdia, quanto a Realesis se disseram satisfeitos com o encontro. Nenhum dos dois disse pensar na possibilidade do projeto ser interditado. “O que vai acontecer, certamente, é o que é melhor para a cidade” disse Armando Saboia Filho, representante da Realesis. 

Perguntados sobre a pesquisada do site da prefeitura, onde a opção “virar um shopping” está como menos votada, o prefeito garantiu que a enquete será levada em conta. 
Se você não concorda com a construção do shopping na Tamarineira vote, dê sua opinião, participe é assim que se constrói cidadania.

Nenhum comentário:

Postar um comentário